sicnot

Perfil

País

Dominado fogo em Soure

Arquivo

HUGO DELGADO

Mais de 18 horas depois do início do incêndio no concelho de Soure, as chamas foram dominadas. Mais de 500 hectares arderam.

O fogo começou ontem à tarde e teve duas frentes ativas, para as quais estavam esta manhã mobilizados cerca de 450 operacionais e 137 viaturas.

Três aviões e um helicóptero entraram em ação para ajudar no combate às chamas.

"O incêndio foi considerado dominado às 09:30", afirmou o presidente da Câmara de Soure, Mário Jorge Nunes, referindo que se avançou "bastante no combate de manhã, com a ajuda dos meios aéreos".

O fogo, que chegou a circundar a localidade de Degracias, progrediu durante a noite para sul, "em direção ao concelho de Ansião", tendo "chegado perto de duas outras localidades", mas sem colocar habitações em perigo, explanou.

Os trabalhos de rescaldo devem agora durar o dia todo, acrescentou.

Num balanço feito ontem à noite, Mário Jorge Nunes disse que o fogo já tinha consumido então "mais de 500 hectares" e ameaçou várias habitações.

Última atualização às 11:06/Com Lusa

  • Como não perder Barack e Michelle Obama nas redes sociais

    Mundo

    Sair da Casa Branca implica mais que reunir objetos físicos: é preciso guardar também os tweets, os posts e todo o conteúdo digital produzido nos últimos oito anos pelo Presidente dos EUA e pela primeira-dama. A equipa de Barack Obama já preparou tudo para que nada se perca do seu legado digital.

  • Portugueses querem contratar Obama

    Mundo

    Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.