sicnot

Perfil

País

Enfermeiros entregam abaixo-assinado no S. José a exigir mais profissionais

Os enfermeiros entregam hoje no Hospital de S. José um abaixo-assinado com centenas de assinaturas, exigindo a admissão de enfermeiros suficientes para evitar o encerramento de camas e turnos incompletos como está a acontecer, anunciou o sindicato.

De acordo com o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP), a carência destes profissionais no Centro Hospitalar Lisboa Central (CHLC) "está a provocar o caos em vários serviços", sendo disso exemplo os cerca de 100 turnos que ficaram por preencher em agosto no Hospital de S. José, bem como as mil horas extraordinárias acumuladas na unidade de neurocirurgia e cerca de 2.000 na enfermaria da neurocirurgia.

Na Maternidade Alfredo da Costa houve a necessidade de encerrar temporariamente duas camas dos intensivos da neonatologia e quatro das intermédias, e o serviço de urgência de obstetrícia e ginecologia está a funcionar com menos cinco enfermeiros por turno, o que se situa abaixo das recomendações mínimas estipuladas pela Ordem dos Enfermeiros.

No Hospital D. Estefânia foram temporariamente reduzidas duas camas na neonatologia.

Esta situação levou a que os enfermeiros do CHLC reunissem centenas de assinaturas num abaixo-assinado a ser entregue no Hospital S. José, com as exigências da admissão de mais enfermeiros e de dotações seguras, que permitam a prestação de cuidados aos utentes com qualidade e segurança.

"É urgente a contratação de mais enfermeiros para os seis hospitais que compõem o CHLC", afirma o SEP, acrescentando que "a falta de profissionais há muito é denunciada e combatida" pelo sindicato e pelos daquela instituição.

Lusa

  • Os apelos de Marcelo para a reforma do Estado
    1:36

    País

    O Presidente da República lamentou este sábado que o consenso para uma reforma do Estado seja um sonho adiado. No enceramento do congresso "Portugal no Futuro", Marcelo Rebelo de Sousa apelou a entendimentos em áreas estratégicas e defendeu que é preciso passar as palavras à ação, o quanto antes.

    Débora Henriques

  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52