sicnot

Perfil

País

Marcelo condecora António Champalimaud a título póstumo com Ordem do Mérito

MIGUEL A. LOPES

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou esta terça-feira, a título póstumo, o empresário António Champalimaud com a Grã-Cruz da Ordem do Mérito, durante a cerimónia de entrega dos Prémios Champalimaud de Visão 2016.

No anfiteatro ao ar livre da Fundação Champalimaud, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que esta "é uma homenagem justa" a António Champalimaud, "que a serena distância histórica converte em inadiável", considerando que "a democracia portuguesa nunca reconheceu devidamente a envergadura da sua decisão fundadora".

"A força das democracias reside em não terem complexos nem temores sempre que se trata de fazer justiça. Neste caso, fazer justiça em nome de Portugal", acrescentou.

Segundo o chefe de Estado, a decisão de António Champalimaud deixar como herança a criação da Fundação Champalimaud foi "um passo de inequívoco relevo filantrópico nacional e internacional" e "um passo que mais nenhum outro português deu, neste tempo, na área fundacional com tão vasto alcance patrimonial e social".

A Grã-Cruz da Ordem do Mérito foi entregue pelo Presidente da República à filha do empresário, Maria Luísa Champalimaud.

A Ordem do Mérito destina-se a " galardoar atos ou serviços meritórios praticados no exercício de quaisquer funções, públicas ou privadas, que revelem abnegação em favor da coletividade".

O chefe de Estado descreveu António Champalimaud como "um homem que, como todas as personalidades fora do comum, suscitou admiração e acrimónias na sua vida empresarial, como nas suas posições cívicas", e ao qual "era indiferente esse entrechocar de opiniões e de sentimentos".

"Quis o destino que coubesse a quem algumas vezes louvou e algumas outras divergiu e criticou, como cidadão, o empresário e o cidadão António Champalimaud o assumir a responsabilidade nacional de realçar e galardoar o benfeitor social António Champalimaud condecorando-o a título póstumo com a Grã-Cruz da Ordem do Mérito", afirmou Marcelo Rebelo de Sousa.

O Presidente da República elogiou também a presidente da Fundação Champalimaud, Leonor Beleza, sobre quem disse que tem tido uma "liderança inteligente, lúcida, culta, e por isso cosmopolita".

Nesta cerimónia de entrega dos Prémios Champalimaud de Visão estiveram presentes, entre outros, os antigos presidentes da República Aníbal Cavaco Silva e António Ramalho Eanes, os ministros do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, e do Mar, Ana Paula Vitorino, e o presidente do PSD, Pedro Passos Coelho.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Desporto

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Desporto

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.