sicnot

Perfil

País

Fogo na Guarda próximo de duas aldeias é combatido por 115 operacionais

Um incêndio florestal no concelho da Guarda, na área da freguesia de Trinta e Corujeira, aproximou-se de duas povoações sem causar danos em habitações, disseram à Lusa fontes autárquicas e da Proteção Civil.

Segundo fonte do Comando de Operações de Socorro (CDOS) da Guarda o incêndio que começou pelas 13:34, numa zona de mato, apresentava-se, pelas 17:45, com "duas frentes ativas".

"Na Corujeira, chegou mesmo às casas, esteve dentro do povo, mas não causou danos em habitações", disse José Morgado, secretário da Junta de Freguesia de Corujeira e Trinta.

O autarca referiu à Lusa que as chamas destruíram palheiras e quintas que se encontravam desabitadas.

"O que vale são os meios aéreos e o facto de a barragem do Caldeirão estar a dois passos", rematou José Morgado.

De acordo com a informação disponibilizada na página da Autoridade Nacional de Proteção Civil, pelas 17:55 o fogo estava a ser combatido por 115 operacionais, auxiliados por 33 veículos e dois meios aéreos.

Lusa

  • Atrás das Câmaras em Mirandela
    2:36

    Atrás das Câmaras

    A SIC está a percorrer o pais para ouvir as historias dos municípios e dos eleitores. Até às autárquicas, o programa opinião pública dá lugar ao Atrás das Câmaras, que hoje está em Mirandela, no distrito de Bragança, como conta a repórter Catarina Lázaro.

    Hoje na SIC e SIC Notícias

  • Ambiente e direitos humanos dominam discurso de Costa na ONU
    2:03
  • "Não é possível fazer tudo ao mesmo tempo"
    0:39

    Orçamento do Estado 2018

    O deputado e economista do PS Paulo Trigo Pereira defende que o desagravamento fiscal que o Governo quer pôr em marcha é "moderado". Em entrevista ao Público e à Renascença, o socialista diz que é preciso realismo e que é uma "alquimia" mexer ao mesmo tempo nas carreiras, pensões e rendimentos dos trabalhadores.

  • Como fazer negócios no mercado dos leilões
    7:15