sicnot

Perfil

País

Agente da PSP ferido no Vale da Amoreira já teve alta hospitalar

O agente da Polícia de Segurança Pública (PSP) ferido na quarta-feira no Vale da Amoreira, na Moita, já teve alta hospitalar, disse à Lusa fonte desta força de segurança, referindo que os agentes já foram ouvidos pela Polícia Judiciária.

Segundo a PSP, dois agentes foram agredidos com um machado e uma faca na quarta-feira quando tentavam identificar um homem no Vale da Amoreira (distrito de Setúbal), que acabou por ser morto a tiro.

A polícia alega que o agente "foi obrigado a disparar em legítima defesa".

"O agente da PSP ficou internado no hospital do Barreiro, mas hoje já teve alta", disse à Lusa fonte da PSP.

O agente em causa sofreu ferimentos na zona do peito, junto ao pescoço, enquanto o seu colega foi assistido no hospital na quarta-feira devido a um corte no braço, mas teve alta pouco depois.

Os dois elementos, que costumam fazer notificações e pertencem à Esquadra de Investigação Criminal do Barreiro, seguiam à civil numa viatura descaraterizada e ao verem o homem na rua, que seguia a pé, suspeitaram que tinha um mandado de detenção, de acordo com a PSP.

A polícia refere que o homem, de 51 anos, natural da Guiné, que acabou por morrer no local, não tinha mandado de detenção.

"Os agentes tentaram identificar o homem porque poderia ser um indivíduo com um mandado de detenção, mas este não existia. Contudo, o homem em causa já tinha tido outros mandados de detenção no passado e identificar a pessoa é o normal nestas situações", esclareceu.

A Polícia Judiciária, que está a investigar o caso, já ouviu os dois agentes da PSP envolvidos na ocorrência.

Lusa

  • SAD do Benfica duplica lucros

    Desporto

    O Benfica fechou a época passada com lucros de 44,5 milhões de euros, mais do dobro do registado na época anterior. São os mais elevados de que há registo.

  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22