sicnot

Perfil

País

Jovem detido em estádio de Coimbra após deflagrar engenho pirotécnico

Um jovem de 21 anos foi detido por ter deflagrado um engenho pirotécnico proibido no Estádio Universitário de Coimbra, anunciou a PSP em comunicado, esta segunda-feira.

A detenção verificou-se no domingo, ao fim da tarde, enquanto decorria um jogo de futebol entre a Académica (Secção de Futebol da Associação Académica de Coimbra, AAC) e o Grupo Desportivo da Gafanha da Nazaré, freguesia do concelho de Ílhavo, no distrito de Aveiro, onde o detido reside.

Elementos da polícia avistaram o suspeito, "que nas bancadas manietava um artigo pirotécnico em deflagração, libertando um fumo azul e que, quando se apercebeu estar a ser vigiado, o atirou para o chão", refere o Comando Distrital de Coimbra da PSP.

"Este artigo pirotécnico, apesar de ser comummente utilizado para fins de sinalização e salvamento, é proibido nas circunstâncias em causa, uma vez que a sua deflagração gera um grande perigo para as pessoas que o rodeiam, podendo provocar lesões graves e por conter substâncias tóxicas", adianta.

O jovem foi depois detido pelos agentes, que apreenderam o invólucro do engenho proibido.

Na mesma nota, a PSP informa que deteve no sábado, no Bairro da Rosa, um homem de 27 anos, residente na cidade, "pelo crime de injúrias e ameaças a agentes de autoridade".

"A detenção surge durante uma ação de fiscalização rodoviária durante a qual, sem que nada o fizesse prever, o indivíduo interpelou os agentes policiais, injuriando-os e ameaçando-os", sublinha.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • As polémicas do primeiro mês de Donald Trump como Presidente
    3:17
  • Deputados britânicos debatem hoje petição que desvaloriza visita de Donald Trump

    Mundo

    Os deputados britânicos debatem hoje uma petição que reclama que a futura visita de Estado do Presidente norte-americano, Donald Trump, seja reduzida a uma visita oficial, enquanto dezenas de milhares de pessoas se manifestam sobre o mesmo assunto. Dezenas de milhares de pessoas são esperadas hoje nas ruas de várias cidades do Reino Unido, em protestos organizados para coincidir com a discussão no parlamento (na Câmara dos Comuns) de uma petição 'online' que já tem quase dois milhões de subscritores.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Matteo Renzi demite-se da liderança do Partido Democrático

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi demitiu-se hoje da liderança do Partido Democrata (PD), uma decisão que faz parte de uma estratégia para retomar o controlo da formação de centro-esquerda, onde uma minoria mais à esquerda ameaça cindir-se.