sicnot

Perfil

País

Quinze concelhos do continente em risco máximo de incêndio

Quinze concelhos dos distritos de Coimbra, Castelo Branco, Viseu e Guarda encontram-se hoje sob risco máximo de incêndio, segundo informação do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

De acordo com o IPMA, em risco máximo de incêndio estão os concelhos de Vila de Rei, Mação e Sardola (Castelo Branco), Arganil, Góis, Oleiros e Pampilhosa da Serra (Coimbra), Sabugal, Guarda, Celorico da Beira, Fornos de Algodres e Aguiar da Beira (Guarda), Sernancelhe, Moimenta da Beira e Vila Nova de Paiva (Viseu).

O Instituto colocou também em risco elevado e muito elevado de incêndios vários concelhos de todos os distritos (18) de Portugal continental.

Quanto à Madeira, o instituto colocou os concelhos de Ponta do Sol em risco elevado de incêndio e Ribeira Brava, Câmara de Lobos, Funchal, Santa Cruz e Machico em risco moderado.

O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre reduzido e máximo.

O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 em cada dia, relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Para hoje, o IPMA prevê céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral até final da manhã, aumentando gradualmente a nebulosidade a partir da tarde.

Possibilidade de aguaceiros dispersos durante a tarde nas regiões do interior além de períodos de chuva a partir do fim da tarde no litoral Norte e Centro.

O vento soprará fraco (inferior a 15 km/h), tornando-se fraco a moderado (10 a 30 km/h) do quadrante sul a partir do fim da manhã e rodando para gradualmente para oeste.

No que diz respeito às temperaturas, está prevista uma pequena descida das máximas.

Em Lisboa, as temperaturas vão oscilar entre 17 e 28 graus Celsius, no Porto entre 14 e 22, em Vila Real entre 15 e 30, em Viseu entre 15 e 29, em Bragança entre 14 e 31, na Guarda entre 18 e 27, em Castelo Branco entre 17 e 32, em Santarém entre 15 e 34, em Beja entre 17 e 32, em Évora entre 15 e 33, em Faro entre 20 e 28, no Funchal entre 22 e 27, em Ponta Delgada entre 19 e 24, e em Santa Cruz das Flores entre 17 e 22.

Lusa

  • O tempo para hoje
    0:29

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje céu pouco nublado ou limpo, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral até final da manhã, aumentando gradualmente a nebulosidade a partir da tarde. Possibilidade de aguaceiros dispersos durante a tarde nas regiões do interior além de períodos de chuva a partir do fim da tarde no litoral Norte e Centro.

  • Mais de 1600 ações de fiscalizações a IPSS em dois anos
    1:05

    Expresso da Meia Noite

    Nos últimos dois anos, o Estado efetuou mais de 1600 ações de fiscalização a Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) das quais resultaram mais de 70 destituições e 80 participações ao Ministério Público (MP). Os números foram avançados pela secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim, no programa Expresso da Meia-noite, na SIC Notícias.

  • Bombeiro ferido nos fogos de Pedrógão Grande regressou a casa
    2:33

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Seis meses depois dos incêndios de Pedrógão Grande, regressou a casa o último dos bombeiros de Castanheira de Pera que estava internado desde junho. Rui Rosinha esteve em coma mais de dois meses e tem ainda pela frente uma longa recuperação. O bombeiro não quer que o país esqueça o que aconteceu e espera que as duas tragédias deste ano (fogos de junho e outubro) sirvam de lição para o futuro.

  • Pedrógão Grande, seis meses depois - documentário Expresso
    0:29
  • Frio no fim de semana, regiões do interior podem chegar aos -5 °C
    1:23
  • Ilhas Selvagens são um tesouro no Atlântico que é preciso preservar
    2:33