sicnot

Perfil

País

Detido presumível autor de 16 fogos em Proença-a-Nova

Fernanda Martins

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou esta sexta-feira a detenção de um homem de 46 anos, suspeito de ter ateado 16 focos de incêndio florestal entre os meses de julho e de setembro, no concelho de Proença-a-Nova.

Em comunicado, a diretoria do Centro da PJ explica que o homem é auxiliar de armazém e foi detido "por ter ateado dezasseis focos de incêndio florestal no concelho de Proença-a-Nova, nos meses de julho, agosto e setembro do corrente ano".

"O suspeito, que também é bombeiro voluntário, no referido período de tempo, iniciou dezasseis focos de incêndio, tendo ardido uma área total de cerca de um milhão de metros quadrados, composta por povoamento de pinheiros, eucaliptos, sobreiros e oliveiras", lê-se no documento.

O detido vai ser presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório e aplicação das respetivas medidas de coação.

Segundo a PJ, este ano já foram identificadas e detidas 72 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Lusa

  • "Tarde dantesca" em Proença-a-Nova
    0:33

    País

    O presidente da Câmara de Proença-a-Nova descreveu o que viveu esta tarde com aldeias evacuadas, como um cenário dantesco. O fogo ainda ameaça populações do concelho apesar dos bombeiros terem conseguido salvaguardar as casas.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.