sicnot

Perfil

País

Mais de 2 milhões vivem abaixo do limiar da pobreza em Portugal

© Max Rossi / Reuters

Entre 2009 e 2014, Portugal ultrapassou os 2 milhões de pessoas a viver abaixo do limiar da pobreza. Nesses anos, mais 116 mil pessoas entraram em privação material severa e engrossaram a lista de portugueses a viver na pobreza extrema. Um quarto dos novos pobres são crianças.

O estudo "Portugal Desigual", da Fundação Francisco Manuel dos Santos sobre os anos da crise, revela que os portugueses mais pobres foram os mais afectados pela crise.

Nos anos da crise,os portugueses perderam,em média 116 euros mensais,cerca da 12 % dos rendimentos. A classe média também perdeu ,mas menos que os mais pobres que perderam cerca de 25 % dos rendimentos mensais.

Os 10 % dos portugueses mais ricos perderam 13% de rendimentos.

Entre 2009 e 2014,quase um terço dos trabalhadores por conta de outrem ganhava menos de 700 euros mensais. O estudo sobre as desigualdades sociais revela que hoje um em cada cinco portugueses vive com menos de 422 euros mensais.

  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..