sicnot

Perfil

País

Ex-inspetor da PJ condenado a 5 anos de prisão por corrupção

O ex-inspetor da Polícia Judiciária João Sousa foi condenado esta terça-feira a 5 anos e 6 meses de prisão. Em causa estão os crimes de corrupção passiva, recebimento ilícito de vantagem e violação de segredo de funcionário.

O Tribunal deu como provado o envolvimento numa rede que se dedicava à venda de ouro e que escapava ao Fisco. O ex-inspetor acedia às informações da Polícia Judiciária e informava a rede das atividades da polícia. Em contrapartida, recebia dinheiro.

João Sousa estava detido preventivamente desde 2014. O julgamento decorreu no Tribunal do Seixal.

  • Ex-inspetor da PJ acusado de ajudar rede de tráfico de ouro nega todas as acusações
    1:55

    País

    O ex-inspetor da Polícia Judiciária acusado de ajudar uma rede de tráfico de ouro negou todas as acusações. João de Sousa, também conhecido pelos comentários que fez na prisão de Évora sobre José Sócrates, disse ainda que outros arguidos foram coagidos para o incriminar. Ministério Público diz que João era peça chave na associação criminosa e a toupeira dentro da Judiciária. O esquema de venda de ouro no estrangeiro terá lesado o fisco em 6,5 milhões de euros.

  • Guterres condena onda de violência em Myanmar
    0:43

    Mundo

    António Guterres condenou a onda de violência e discriminação contra os rohingya em Myanmar, na abertura da assembleia-geral das Nações Unidas. O secretário-geral da ONU pediu ainda às autoridades do país para acabarem com as operações militares e protegerem a comunidade ameaçada.

  • Furacão Maria deixa rasto de destruição na ilha Dominica
    1:52
  • Peritos mundiais debatem doenças neurodegenerativas em Lisboa
    3:04
  • "O Benfica é atacado e não há ninguém que fale e que dê a cara?"
    6:05
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    Depois do artigo publicado no blog "Geração Benfica", Rui Gomes da Silva reiterou esta segunda-feira, em O Dia Seguinte da SIC Notícias, algumas das críticas à estrutura do clube. O antigo vice-presidente do Benfica defendeu Luís Filipe Vieira, Rui Vitória e Nuno Gomes. E acusou novamente Rui Costa de passividade e os vice-presidentes de não darem a cara. 

  • Governo aconselha pais a fazerem queixa de manuais em mau estado
    2:31
  • Acha que este padre sabe dançar?
    2:22