sicnot

Perfil

País

Repórter entrevista Marcelo sem saber quem ele é

Um repórter francês do Canal+ entrevistou Marcelo Rebelo de Sousa, em Nova Iorque, sem saber que estava a falar com o Presidente da República português. O pivot em estúdio acabou por apoiar Martin Weill, desvalorizando a situação.

Martin Weill é o enviado aos Estados Unidos para cobrir a sessão da Assembleia-geral das Nações Unidas.

O repórter abordou a comitiva portuguesa para falar com Marcelo e perguntou-lhe sobre as eleições presidenciais norte-americanas. O Presidente respondeu que não comentava os "problemas dos outros países, sobretudo se se tratassem de países amigos e aliados".

Ainda em entrevista, o francês perguntou a que delegação Marcelo pertencia e que cargo detinha. Sem nunca perder o sorriso, Marcelo esclareceu o repórter, acabando por surpreendê-lo.

O pivot em estúdio acabou por apoiar Martin Weill, desvalorizando a gravidade da situação. O vídeo já está nas redes sociais.

Veja aqui a entrevista do Canal+ ao Presidente da República em Nova Iorque.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Dominado incêncio no centro de tratamento de resíduos da Tratolixo
    1:55

    País

    O fogo na Tratolixo, em Trajouce, deflagrou esta segunda-feira à noite. As chamas foram controladas a meio da manhã pelos bombeiros. No local estão 133 operacionais, apoiados por 51 veículos. O fogo não fez vítimas nem danos materiais. O vento dificultou o combate às chamas.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.