sicnot

Perfil

País

Santos Silva vai insistir no levantamento da imunidade de iraquianos

Santos Silva vai insistir no levantamento da imunidade de iraquianos

O ministro dos Negócios Estrangeiros vai insistir no levantamento da imunidade dos filhos do embaixador do Iraque, numa reunião na quinta-feira com o seu homólogo iraquiano em Nova Iorque. Santos Silva espera que não haja resistência ao levantamento da imunidade diplomática.

Questionado sobre o que vai dizer nessa reunião, o ministro respondeu que vai "dizer o óbvio", acrescentando: "nós precisamos de esclarecer o que se passou e, como somos um Estado de direito, a única maneira de esclarecê-lo é por via judicial".

Segundo o ministro, Portugal vai insistir no pedido de levantamento da imunidade diplomática dos filhos do embaixador do Iraque em Portugal feito a 25 de agosto, na sequência das agressões a um jovem de Ponte de Sor.

"Até agora estão a analisar o pedido. Espero que a próxima reunião possa significar um progresso nesse processo de análise", disse.

Portugal pediu, a 25 de agosto, o levantamento da imunidade diplomática dos filhos do embaixador do Iraque em Portugal, na sequência das agressões a um jovem de Ponte de Sor, e mais tarde solicitou urgência na resposta das autoridades iraquianas, que responderam que o farão "no tempo adequado".

No início deste mês, o ministro referiu que "não há um prazo fixo marcado nem na lei nem na praxe diplomática para a tramitação deste tipo de pedidos".

"Confiamos que as autoridades iraquianas formem a sua opinião e tomem a decisão tão depressa quanto possível", afirmou.

No dia 17 de agosto, Ruben Cavaco, de 15 anos, foi agredido em Ponte de Sor, no distrito de Portalegre, pelos filhos do embaixador do Iraque em Portugal, gémeos de 17 anos.

O jovem alentejano sofreu múltiplas fraturas, tendo sido transferido no mesmo dia do centro de saúde local para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, tendo chegado a estar em coma induzido. O jovem acabou por ter alta hospitalar no passado dia 2 de setembro.

Os dois rapazes suspeitos da agressão são filhos do embaixador iraquiano em Portugal, Saad Mohammed Ali, e têm imunidade diplomática, ao abrigo da Convenção de Viena.

Com Lusa

  • Chuva deixa em alerta 12 distritos do continente

    País

    Doze distritos do continente estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de chuva, que pode ser pontualmente forte e acompanhada por trovoadas e granizo, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

  • Parceiros sociais retomam hoje discussão sobre legislação laboral

    Economia

    Os parceiros sociais retomam esta tarde a discussão sobre as alterações à legislação laboral nas áreas do combate à precariedade, promoção da negociação coletiva e reforço da inspeção do trabalho. No encontro, marcado para as 15:00 no Conselho Económico e Social (CES), em Lisboa, o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, deverá apresentar um novo documento com alterações face ao que foi proposto aos parceiros sociais há dois meses.

  • Sabia que pode emprestar dinheiro a empresas e ganhar 7% em juros por ano?
    8:05
  • A experiência de um embaixador português na Coreia do Norte
    2:58

    País

    A Coreia do Norte tem o maior orçamento militar do mundo e o seu arsenal nuclear acaba por dar-lhe acesso a uma possível cimeira com os Estados Unidos. A pobreza e o culto da personalidade foram testemunhados pelo embaixador, José Manuel de Jesus, que visitou várias vezes Pyongyang.

  • EUA expulsa dois diplomatas venezuelanos e dá-lhes 48 horas para deixarem o país

    Mundo

    Os Estados Unidos anunciaram, na quarta-feira, a expulsão de dois diplomatas venezuelanos, aos quais deu um prazo de 48 horas para sairem do país. A decisão é a resposta ao anúncio de Presidente da Venezuela de expulsar o encarregado de negócios e o chefe da secção política da embaixada dos Estados Unidos em Caracas, Todd Robinson e Brian Naranjo, respetivamente.