sicnot

Perfil

País

Centenas de pessoas em Lisboa contra a degradação dos transportes públicos

Mais de uma centena de pessoas concentraram-se esta quinta-feira ao final da tarde junto à estação de comboios do Cais do Sodré, em Lisboa, num protesto promovido por utentes e trabalhadores contra a "degradação do serviço de transportes públicos".

"Mais e melhores acessibilidades", "Transportes para todos", "Reposição imediata de carruagens na linha verde [do metro]", "Direito à mobilidade" e "Nós, estudantes, queremos mais transportes e passe escolar" eram algumas das frases inscritas nos cartazes exibidos pelos participantes.

Tendo em conta a elevada adesão à iniciativa, a organização -- que juntou a Comissão de Utentes dos Transportes Públicos de Lisboa e a Federação de Sindicatos dos Transportes e Comunicações (FECTRANS) -- decidiu levar o protesto até ao Largo de Camões.

Pelas 18:30, os participantes estavam a subir a Rua do Alecrim, que liga esta praça ao Cais do Sodré.

Entre eles estavam a vereação da CDU e deputados municipais.

O vereador comunista João Ferreira sublinhou a importância de a concentração juntar utentes e trabalhadores.

Lusa

  • Mais de 2 mil bombeiros combatem as chamas esta manhã

    País

    Mais de 2 mil bombeiros combatem esta manhã os incêndios em Portugal continental. Os dois fogos de maiores dimensões lavram nos distritos de Santarém e Castelo Branco, de acordo com o site Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

    Em atualização

  • Incêndios causaram 76 feridos no espaço de uma semana
    0:34

    País

    No espaço de uma semana, 76 pessoas ficaram feridas, incluindo seis com gravidade, durante os incêndios florestais. Na conferência de imprensa desta tarde, a Proteção Civil explicou que há cinco planos municipais de emergência ativos por causa das chamas.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.