sicnot

Perfil

País

Fuga de oxigénio num reservatório do Hospital de Oliveira de Azeméis

Após uma fuga de oxigénio num reservatório que abastece o Hospital de Oliveira de Azeméis esta madrugada, os bombeiros decidiram pelo corte do trânsito nos arruamentos envolventes à unidade de saúde, pouco depois restabelecido, disse à Lusa fonte dos Bombeiros. O alerta para os Bombeiros foi dado pouco depois da meia-noite.

"Rebentou uma válvula do reservatório que está situado no exterior do hospital e estava a haver fuga de oxigénio (,,,) decidimos cortar o trânsito", disse o comandante dos Bombeiros de Oliveira de Azeméis, Paulo Vitória.

O comandante Paulo Vitória esclareceu que não foi necessário evacuar o Hospital, afirmando que a situação "está controlada".

"Já fizemos o corte da válvula e o trânsito já foi reaberto", disse o mesmo responsável. Ao local acorreu de imediato um elemento da empresa que presta assistência ao equipamento.

Segundo Paulo Vitória, o reservatório em causa vai ficar inoperacional, tendo os Bombeiros já confirmado que o Hospital dispõe de reservas suficientes para garantir o abastecimento de oxigénio durante toda a noite às pessoas que estão internadas.

"Amanhã [sábado], a empresa que presta assistência ao equipamento irá recomeçar os trabalhos para repor a normalidade, sem haver constrangimentos de ter de tirar as pessoas dali e levá-las para outro Hospital", disse Paulo Vitória.

Com Lusa

  • Os apelos de Marcelo para a reforma do Estado
    1:36

    País

    O Presidente da República lamentou este sábado que o consenso para uma reforma do Estado seja um sonho adiado. No enceramento do congresso "Portugal no Futuro", Marcelo Rebelo de Sousa apelou a entendimentos em áreas estratégicas e defendeu que é preciso passar as palavras à ação, o quanto antes.

    Débora Henriques

  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52