sicnot

Perfil

País

Um morto e um ferido em tiroteio em Vila Velha de Ródão

Um homem de 31 anos de idade morreu hoje perto da barragem de Fratel, no concelho de Vila Velha de Ródão, depois de ter sido atingido por um disparo de uma arma de fogo. Outro homem de 25 anos ficou ferido.

"Há sinais de a vítima ter sido atingida por uma arma de fogo" e que tenha falecido na sequência dos ferimentos causados pelo disparo, disse à agência Lusa, fonte da GNR de Castelo Branco.

Os meios de socorro foram alertados às 02:44 de hoje para uma ocorrência num parque de estacionamento próximo da barragem do Fratel, no concelho de Vila Velha de Ródão, envolvendo dois feridos.

Um dos feridos faleceu no local, disse fonte do CDOS (Comando Distrital de Operações de Socorro) de Castelo Branco.

A outra vítima, outro homem, de 25 anos de idade, sofreu ferimentos ligeiros e foi transportado para o Hospital de Portalegre, acrescentou a mesma fonte.

Para o local foram mobilizados meios dos bombeiros de Vila Velha de Ródão (distrito de Castelo Branco) e de Nisa (Portalegre), uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER) e duas patrulhas da GNR de Castelo Branco, além de uma equipa da Polícia Judiciária de Coimbra, que está a investigar o caso.

Lusa

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.