sicnot

Perfil

País

PJ deteve este ano mais 25 pessoas por fogo posto do que em 2015

A Polícia Judiciária deteve este ano 77 pessoas por crime de incêndio florestal, mais 25 do que em 2015, indicam dados da PJ enviados à agência Lusa.

A PJ adianta que dos 77 detidos, 32 ficaram em prisão preventiva e seis em prisão domiciliária.

Segundo a PJ, 76 pessoas foram detidas em Portugal Continental e uma na Madeira.

A maior parte das detenções ocorreram em Vila Real (19), região Norte (18), Braga (11) e Centro (10).

A época mais crítica em incêndios florestais termina hoje, tendo os fogos consumido uma área superior a 160 mil hectares, mais do dobro dos últimos oito anos, segundo o Sistema Europeu de Informação sobre Fogos Florestais.

Lusa