sicnot

Perfil

País

Professor acusado de melhorar notas com documentos falsos

A Polícia Judiciária (PJ) de Setúbal anunciou esta sexta-feira que constituiu arguido um homem de 35 anos, suspeito de falsificação de documentos para melhorar as notas da licenciatura e conseguir os lugares de docência que pretendia.

Segundo um comunicado da PJ, as competências académicas e a experiência profissional que constava dos documentos falsificados pelo arguido permitiram-lhe obter um lugar como professor "numa escola da zona de Setúbal, ultrapassando milhares de candidatos".

A polícia adiantou que aquele professor, licenciado em informática, sabia que a classificação final que tinha obtido, de 11 valores, era insuficiente para obtenção dos lugares que pretendia, pelo que "falsificou declarações comprovativas de melhoria de nota, no âmbito da sua licenciatura e um certificado de habilitações do grau de mestre em engenharia informática, em qualquer dos casos com elevada classificação final".

Para dar credibilidade aos documentos forjados, o arguido terá recorrido a "assinaturas digitalizadas retiradas de documentos verdadeiros e a cunhos de selos brancos, igualmente falsos, encomendados numa tipografia da margem sul do Tejo, desconhecedora da realidade".

De acordo com a PJ, o arguido terá ainda falsificado as datas e os códigos de um comprovativo de ações de formação que lecionou, durante três anos, num Centro de Emprego, que comprovavam uma experiência profissional mais alargada, mas que também não correspondia à realidade.

Na sequência da investigação iniciada pela PJ em novembro de 2015, o presumível falsário deverá responder pelos crimes de burla e falsificação de documentos.

Lusa

  • Professor acusado de 439 crimes de abuso sexual
    3:43

    País

    O ministério público acusou de 439 crimes de abuso sexual de crianças o professor e treinador de futebol detido em fevereiro. O homem terá abusado várias vezes de nove menores, com idades entre os 9 e os 12 anos. Uma das vítimas é um sobrinho, que acabou por denunciar o agressor. O Ministério Público diz que o homem, de 34 anos, tem uma forte atracção sexual por crianças desde os 18. Procurou, por isso, uma profissão que lhe permitisse estar perto de crianças sem a presença de outros adultos.

  • Carro que atropelou adepto encontrado numa garagem na Amadora
    1:51

    Desporto

    O carro que atropelou o adepto da Fiorentina, junto ao Estádio da Luz, está nas mãos da Polícia Judiciária. O automóvel foi encontrado esta terça-feira por uma brigada da PSP na garagem de um casa da Amadora, que pertence a um elemento da claque dos No Name Boys.

  • Portugal subiu cinco lugares no Ranking da Liberdade de Imprensa
    1:42

    País

    Portugal está agora na 18 ª posição em 180 países no relatório deste ano dos Repórteres Sem Fronteiras. Esta associação revela que a imprensa portuguesa foi condenada 21 vezes por violação de liberdade de expressão e por difamação pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.

  • A SIC foi dar uma volta de bicicleta

    País

    Há 90 anos, cerca de 40 ciclistas partiam do Marquês de Pombal, em Lisboa, para a primeira etapa da 1.ª Volta a Portugal de Bicicleta. Hoje, um grupo de investigadores repete o percurso, até Setúbal, dando início a uma viagem que pretende incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia. Um jornalista da SIC segue no pelotão e pode acompanhar a viagem em direto no Facebook da SIC Notícias.

    SIC