sicnot

Perfil

País

Secretário de Estado do Vaticano preside às cerimónias do 13 de outubro

O secretário de Estado do Vaticano preside na quarta e na quinta-feira à peregrinação internacional do aniversário de Fátima, a última antes da visita do papa Francisco, a 13 de maio de 2017.

Em nota de imprensa, o Santuário de Fátima revela que é a primeira vez que Pietro Parolin, chefe da diplomacia da Santa Sé, visita o santuário da Cova da Iria para presidir à peregrinação que assinala a sexta aparição aos pastorinhos e terá como tema "Quem perder a sua vida? Salvá-la-á".

"Eu estou contente e agradeço o convite. Imagino que devem ter pensado que, por ocasião do 99.º aniversário das aparições, ter a presença do colaborador direto do papa Francisco poderá ser uma boa preparação para o centenário que será no próximo ano", referiu Pietro Parolin em declarações exclusivas à Sala de Imprensa do Santuário de Fátima.

O papa Francisco anunciou que prevê viajar, em 2017, a Fátima (Portugal), Índia, ao Bangladesh e a África.

O anúncio foi feito a 2 de outubro, em conferência de imprensa, no voo de regresso da deslocação à Geórgia e ao Azerbaijão. Francisco mencionou a viagem, para já de um dia, a 13 de maio de 2017, a Fátima, por ocasião do centenário das aparições marianas aos pastorinhos.

Antes de se dirigir a Fátima, o secretário de Estado do Vaticano vai apresentar em Lisboa, na quarta-feira, na Universidade Católica, uma conferência sobre "A Diplomacia da Santa Sé nos últimos pontificados", anunciou a instituição.

O anúncio da nomeação de Pietro Parolin como cardeal aconteceu a 12 de janeiro de 2014 e a 22 de fevereiro do mesmo ano foi feito cardeal, no primeiro consistório ordinário do papa Francisco. Em 2014, teve um papel fundamental na aproximação entre Estados Unidos e Cuba, na mediação feita pelo Vaticano.

Perito em assuntos relacionados com o Médio Oriente, o cardeal Pietro Parolin participou ainda no processo de consolidação das relações diplomáticas entre o Vaticano e o Vietname.

A 27 de setembro, esteve em Cartagena das Índias para a assinatura do acordo de paz entre o governo colombiano e a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC).

A peregrinação inicia-se oficialmente às 18:30 de quarta-feira, dia 12, na Capelinha das Aparições, com uma saudação a Nossa Senhora e aos peregrinos.

Antes, às 17:00, Pietro Parolin marcará presença na conferência de imprensa agendada para a sala de imprensa do Centro de Comunicação Social do Santuário. Pelas 21:30, decorre uma dos pontos altos do primeiro dia de celebrações, a bênção solene das velas e rosário, na Capelinha das Aparições, seguindo-se a procissão das velas, no recinto e a missa internacional.

No dia 13, quinta-feira, a celebração final começa às 09:00 com o rosário, na Capelinha das Aparições, seguindo-se, a partir das 10:00, a procissão para o altar, missa, bênção dos doentes, consagração e procissão do adeus.

Lusa

  • Papa confirma visita a Fátima em 2017

    País

    O bispo auxiliar de Lisboa, Nuno Brás, disse hoje que o Papa Francisco lhe confirmou que se deslocará a Portugal em maio do próximo ano, "mas a Fátima", a propósito do Centenário das Aparições.

  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.