sicnot

Perfil

País

"Certamente haverá alguém de Belém que ouvirá as razões dos taxistas"

"Certamente haverá alguém de Belém que ouvirá as razões dos taxistas"

Depois da manifestação dos taxistas de ontem, as associações convococaram novo protesto para segunda-feira, junto ao Palácio de Belém e às Câmaras do Porto e de Faro. Marcelo Rebelo de Sousa garante que as razões dos taxistas serão ouvidas e que, agora, aguarda serenamente o diploma proposto pelo Governo.

  • Taxistas desmobilizaram mas prometem novo protesto
    2:51

    País

    Foi só depois das 2:30 da madrugada, após mais de uma hora de insistência dos presidentes das associações do setor, que os taxistas aceitaram desmobilizar da Rotunda do Relógio, em Lisboa, onde estavam concentrada desde ontem de manhã. Eram muitos os que queriam ficar e resistir à intervenção da polícia.

  • Federação apelou ao bom senso dos taxistas para evitar imagem negativa
    1:11

    País

    O presidente da Federação Portuguesa do Táxi pediu para que não se estragasse as conquistas do dia com uma imagem negativa, que poderia acontecer se os taxistas resistissem à polícia. Carlos Ramos notou que o protesto traduziu-se nalguns avanços na questão das negociações. Perante a resistência de alguns taxistas em deixar o protesto, disse que compreendia, mas apelou ao bom senso.

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Dezenas de mortos em bombardeamentos do Daesh em Mossul

    Daesh

    Dezenas de civis, entre os quais várias crianças, morreram e outros ficaram feridos em ataques de morteiro efetuados pelo grupo extremista Daesh em Mossul, disse à agência Efe o vice-comandante das forças antiterroristas iraquianas.

  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.

  • Tribunal chinês iliba jovem executado há 21 anos

    Mundo

    Nie Shubin foi fuzilado em 1995, na altura com 20 anos, depois de ter sido condenado por violação e assassinato de uma mulher, na cidade de Shijiazhuang. Agora, a justiça chinesa vem dizer que, afinal, o jovem era inocente, uma vez que não foram encontradas provas suficientes para o condenar.