sicnot

Perfil

País

CDS-PP marca para hoje debate de atualidade sobre "rutura dos serviços públicos"

MARIO CRUZ/LUSA

O grupo parlamentar do CDS-PP requereu o agendamento de um debate de atualidade hoje na Assembleia da República sobre "a rutura dos serviços públicos: a fatura da agenda das esquerdas", disse à Lusa fonte oficial da bancada.

Os debates de atualidade realizam-se antes da ordem do dia marcada e que hoje começa com uma evocação do XX aniversário da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e prossegue com a discussão de diversas iniciativas, entre projetos de resolução e projetos de lei, e do relatório da comissão do BANIF.

A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, tinha afirmado na terça-feira que está a faltar dinheiro em serviços públicos como escolas, hospitais, universidades ou polícias como resultado do que considera ser o modelo de governação socialista.

"Quando há um governo que assenta toda a sua estratégia orçamental num crescimento económico que não acontece porque a receita para que viesse acontecer está profundamente errada, e a prova é que nós temos um crescimento de 0,9 quando a promessa era de 2,4 por cento depois, evidentemente, falta dinheiro para os serviços públicos", disse Assunção Cristas.

"Assistimos há muitos meses ao fenómeno das cativações em força, isso significa que nos serviços públicos falta dinheiro", concluiu, em declarações aos jornalistas em Ribeira Grande, nos Açores.

Entre os projetos de lei hoje em debate na Assembleia da República, serão discutidas uma iniciativa do PCP para o "combate a precariedade, impedindo o recurso a medidas públicas ativas de emprego, para responder a necessidades permanentes dos serviços públicos, empresas e outras entidades".

No mesmo tema, o BE apresenta um projeto de resolução com medidas para "a erradicação dos contratos de emprego inserção como mecanismo de preenchimento de necessidades permanentes, para o reconhecimento de contratos de trabalho e para a fiscalização dos estágios promovidos pelo IEFP".

Os deputados vão ainda apreciar o relatório da comissão Parlamentar de Inquérito ao processo que conduziu à venda e resolução do Banco Internacional do Funchal (BANIF) e discutir projetos de resolução para uma intervenção na Estrada Nacional 2, sobre o cumprimento dos compromissos assumidos pela UNICER no âmbito do projeto PIN em Pedras Salgadas e a valorização do turismo termal do eixo Chaves/Peso da Régua.

Lusa

  • Mais de um milhão de crianças em risco de morrer à fome
    1:23

    Mundo

    Cerca de 1.4 milhões de crianças estão em risco iminente de morrer à fome. Deste modo, a UNICEF faz um apelo urgente de cerca de 230 milhões de euros para levar nos próximos meses comida, água e serviços médicos a estas crianças. As imagens desta reportagem podem impressionar os espectadores mais sensíveis.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35
  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32
  • Homem que esfaqueou mulher em Esmoriz é acusado de homicídio qualificado
    1:24

    País

    O homem que no sábado esfaqueou a mulher em Esmoriz está acusado de homicídio qualificado. O arguido de 50 anos foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução e ficou em prisão preventiva, uma medida fundamentada pelo perigo de fuga e de alarme. O homem remeteu-se ao silêncio durante o interrogatório, no Tribunal de Aveiro.

  • Homem condenado a oito anos e meio por abuso sexual da mãe
    1:10

    País

    O Tribunal de Coimbra condenou esta segunda-feira um homem de 53 anos a oito anos e meio de prisão por abuso sexual da mãe e ainda por crimes de roubo e coação. A mãe, de 70 anos, sofria de problemas nervosos e consumia bebidas alcoólicas com frequência, tendo sido vítima de abuso sexual por parte do filho enquanto dormia. Os crimes cometidos remetem para o início de 2016, depois do homem já ter cumprido outras penas de prisão em Espanha.

  • Jovem de 21 anos morre colhida por comboio na linha da Beira Baixa
    0:43

    País

    Uma jovem de 21 anos morreu esta segunda-feira ao ser atropelada pelo comboio Intercidades à saída da estação de Castelo Branco, na linha da Beira Baixa. A vítima foi colhida pelo comboio que seguia no sentido Lisboa-Covilhã ao atravessar a linha de caminho de ferro. Este é um local onde não existe passagem de nível, mas habitualmente muitas pessoas arriscam fazer a travessia da linha.

  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.