sicnot

Perfil

País

Quotidiano nas aldeias de São Pedro do Sul regressa à normalidade

Quotidiano nas aldeias de São Pedro do Sul regressa à normalidade

A população das freguesias de Carvalhais e Candal, no concelho de São Pedro do Sul, regressa aos poucos à normalidade. O presidente da Junta, José Carlos Almeida, sublinha que a situação nas aldeias mais próximas é agora de maior tranquilidade e explica que as autoridades estão a varrer todo o vale que tem vários moinhos abandonados.

  • Reforço policial na caça ao homem em Candal
    2:22

    País

    Esta manhã as autoridades viram-se obrigadas a montar um forte dispositivo policial para encontrar o suspeito dos disparos em Aguiar da Beira. Os habitantes da aldeia da Candal e arredores já tiverem autorização da GNR para sair de casa. Ainda assim ninguém entra nem sai da aldeia sem antes passar pelos militares da GNR que estão de patrulha.

  • Detido um suspeito do crime de Aguiar da Beira
    3:06

    País

    Um dos suspeitos do crime de Aguiar da Beira foi detido perto da Guarda e outro está cercado na zona de São Pedro do Sul, para onde estão mobilizadas todas as forças da autoridade. Os pormenores dos acontecimentos ainda estão por esclarecer, mas sabe-se que tudo terá acontecido na sequência de um assalto. O balanço de vítimas é de dois mortos, um militar da GNR e um civil, e três feridos graves, dois militares da GNR e um civil. A repórter da SIC Patrícia Figueiredo tem estado a acompanhar o desenvolvimento das operações.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52