sicnot

Perfil

País

Líder do PS Açores recusa falar em geringonça açoriana

Líder do PS Açores recusa falar em geringonça açoriana

O líder do PS Açores e recandidato à presidência do Governo Regional recusa falar num cenário de "geringonça" açoriana, caso perca a maioria absoluta. A três dias das eleições para o Parlamento Regional, tanto o PS como o PSD fizeram campanha em Rabo de Peixe, uma das zonas mais pobres do arquipélago e do país.

  • Líder do PS nos Açores não se compromete com maioria absoluta
    1:57

    País

    O líder do PS/Açores e recandidato à Presidência no Governo Regional admite todos os cenários eleitorais possíveis, no domingo. Vasco Cordeiro não se compromete com uma maioria absoluta e desvaloriza a ausência de António Costa nos Açores, na última semana de campanha. As sondagens apontam para uma nova maioria absoluta, mas Vasco Cordeiro diz que todos os votos contam.

  • Dirigentes políticos marcam presença na campanha eleitoral nos Açores
    2:20

    País

    As legislativas regionais nos Açores nunca tiveram tantas presenças de dirigentes nacionais como neste ano. Assunção Cristas e Catarina Martins juntaram-se às campanhas da direita e da esquerda. Jerónimo de Sousa também se juntou aos candidatos no arquipélago e fez campanha em várias ilhas. Já Pedro Passos Coelho esteve em Ponta Delgada, onde lembrou que o Governo PSD ajudou no sucesso do turismo. A votação para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores realiza-se este domingo.

  • Espanha e Portugal a um ponto dos oitavos

    Mundial 2018 / Irão

    A Espanha colocou-se esta quarta-feira a um ponto dos oitavos de final do Mundial 2018 e deixou Portugal em situação idêntica, ao vencer o Irão por 1-0, em jogo do grupo B, disputado em Kazan.

  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Lançamento de balões no São João do Porto em risco

    País

    Lançar balões nas festas do São João do Porto pode não ser possível este ano, tudo irá depender das condições atmosféricas. A Secretaria de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural admitiu, esta quarta-feira, que está a acompanhar a situação mas que ainda nada está decidido.