sicnot

Perfil

País

Polícia Marítima investiga derrame de combustivel no Sado que atribiu à Navigator

A Polícia Marítima de Setúbal está a investigar um derrame de óleo combustível, que diz ser proveniente da Portucel (atual The Navigator Company), que poluiu o estuário do rio Sado e um areal com 800 metros de extensão.

O alerta da ocorrência de derrame de fuel oil, ou óleo combustível, foi feito pelas 18:30 de sexta-feira, à Polícia Marítima de Setúbal que, no local, confirmou que o produto era proveniente da Portucel (hoje é the Navigator Company), uma empresa que se dedica ao fabrico e comercialização de papel.

"Hoje, aos primeiros alvores da manhã, confirmou-se a existência de uma faixa de areal poluído com hidrocarboneto, com cerca de 800 metros de extensão", nas margens do rio Sado, descreve a Polícia Marítima de Setúbal, indicando também que estão a decorrer investigações junto da empresa, para averiguar as causas de derrame.

Ao mesmo tempo decorrem os trabalhos de limpeza do areal e do rio Sado.

A Lusa remeteu um pedido de esclarecimento para a empresa mas, até ao momento, não obteve resposta.

Lusa