sicnot

Perfil

País

PSP procura fugitivos de assalto no Barreiro que originou uma vítima mortal

PSP procura fugitivos de assalto no Barreiro que originou uma vítima mortal

A jornalista da SIC, Ana Peneda Moreira dá a conhecer mais pormenores sobre o assalto que decorreu ontem à noite no Barreiro, onde morreu uma pessoa.

A PSP está a desenvolver diligências para capturar os cinco fugitivos do assalto a um hipermercado no Barreiro, com um dos assaltantes a morrer e outro a sofrer ferimentos, disse o comandante distrital da PSP de Setúbal.

"Cerca das 23:30 de sábado, a PSP foi alertada para um assalto ao Continente e de imediato deslocou para cá um carro patrulha, que mal chegou ao local foi alvejado por assaltantes. O carro patrulha tem marcas de projétil, e os elementos da PSP, para se defenderem, usaram as armas de fogo e houve uma troca de tiros. Da troca de tiros resultou um morto e um ferido, que foi para o hospital, e presume-se que estejam cinco em fuga", disse o superintende Viola Silva.

Segundo o responsável da PSP, os dois elementos policiais, que foram os primeiros a chegar ao local, também sofreram ferimentos, um deles sendo atropelado pelos assaltantes, mas já estão a recuperar.

"Recuperámos uma pistola, um revolver, uma metralhadora e uma 'shotgun'. Neste momento estamos a tentar localizar os indivíduos. Foi uma situação muito grave, os assaltantes estavam fortemente armados e atacaram a PSP a tiro. É gente muito perigosa e é importante que os consigamos apanhar em breve", salientou.

Segundo o superintendente os assaltantes atuaram com gorros, luvas e coletes à prova de bala.

Junto ao hipermercado, na estrada, estava um carrinho de compras com dinheiro que terá sido roubado, bem como uma das viaturas utilizadas pelos assaltantes, com marcas de tiros, junto à qual se encontra o corpo do assaltante morto.

"Este local aqui junto ao Continente tem um descampado com matagal e é muito escuro. Vamos fazer outras buscas para ver se existem outras armas aqui", salientou.

Viola Silva referiu ainda que não sabiam se o individuo que faleceu, cujo corpo pelas 05:30 ainda permanecia no local, foi morto por disparos da polícia ou se foi ele próprio, que ao tentar fugir, efetuou um disparo por engano.

O assaltante ferido foi transportado para o hospital de Santa Maria, em Lisboa, com ferimentos graves.

A Polícia Judiciária esteve durante bastante tempo no local a recolher indícios.

Com Lusa

  • "Sinto-me como quem leva uma sova monumental"
    0:30
  • Temperaturas vão subir até 4ª feira

    País

    As temperaturas vão subir até esta quarta-feira, prevendo-se máximas entre os 22 e os 29 graus na generalidade do território, valores acima do normal para a época do ano, adiantou hoje a meteorologista Maria João Frada.

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC

  • Equipa responsável por renovação da Proteção Civil ainda não é conhecida
    2:45

    País

    A constituição da unidade de missão que deverá entrar esta segunda-feira em funções para concretizar a reforma dos sistemas de prevenção e combate a incêndios ainda não é conhecida. A equipa de trabalho anunciada por António Costa será responsável por pôr de pé o novo sistema de Proteção Civil, aprovado no Conselho de Ministros extraordinário de sábado.

  • "Quero unir o PSD depois de o clarificar"
    1:17
  • Quando o cão de Macron fez chichi no gabinete do Presidente francês
    0:31
  • Antigos presidentes dos EUA angariam 26 milhões para vítimas dos furacões
    0:58

    Mundo

    Os cinco antigos presidentes dos Estados Unidos da América ainda vivos juntaram-se para ajudar as vítimas dos furacões. Bill Clinton e Barack Obama lembraram as vítimas dos furacões e elogiaram o espírito solidário dos norte-americanos. Os antigos presidentes norte-americanos lançaram o apelo no início do mês passado e já conseguiram angariar cerca de 26 milhões de euros.