sicnot

Perfil

País

Fertagus apela à ingestão do pequeno-almoço antes de viajar de comboio

A Fertagus lança hoje uma campanha de sensibilização, depois de 46 pessoas terem tido indisposições nos comboios por falta de ingestão do pequeno-almoço, no primeiro semestre deste ano.

O jornal Público avançou na sua edição de hoje que a Fertagus, empresa que detém a concessão do serviço suburbano entre Lisboa e Setúbal, iniciou hoje de manhã uma campanha destinada a tentar reduzir o número de episódios de doença súbita a bordo dos seus comboios entre pessoas que não tomaram o pequeno-almoço e que causam atrasos em cadeia e carruagens sobrelotadas.

A empresa contabilizou entre 2012 e outubro deste ano 372 casos de doença súbita, dos quais 82 no interior dos comboios. No primeiro semestre deste ano ocorreram 46 episódios, que prejudicaram a pontualidade de 51 comboios num total de 209 minutos.

Em declarações hoje à agência Lusa, Raquel Santos, da Fertagus, explicou que a situação de doença súbita ocorreu entre as 07:00 e as 10:00 (hora de ponta), causando paragens e atrasos nos comboios e por conseguinte prejudicando a vida dos passageiros.

"As nossas conclusões são baseadas em relatos transmitidos pelas pessoas que, num primeiro momento, são assistidas pelos nossos colaboradores. Algumas revelaram que não tinham tomado pequeno-almoço ou que não comiam há muitas horas", disse.

Na sequência dos casos registados, a Fertagus decidiu avançar com uma campanha de sensibilização que pretende alertar as pessoas para a necessidade de tomarem o seu pequeno-almoço.

"Esta situação não é nova e já tivemos uma campanha mais genérica com várias mensagens, mas agora decidimos fazer esta mais focada na questão dos pequenos-almoços, nas boas práticas. A campanha passa por entregar folhetos às pessoas, cartazes e na próxima semana na distribuição de maçãs e em princípio iogurtes", explicou.

Nos cartazes a distribuir pelas estações e comboios, a Fertagus aconselha as pessoas a tomar o pequeno-almoço, a viajar com uma garrafa de água, a não iniciar viagem se não se sentir bem e em caso de indisposição súbita sair na próxima estação e pedir ajuda.

  • Atores recriam cena em que um homem é vítima de violência doméstica
    1:35
  • Ministério Público admite eventual detenção do presidente do governo da Catalunha
    2:24
  • Bispo vermelho

    "Recebia trabalhadores e sindicalistas, batia à porta de políticos e empresários, andava pelas ruas da cidade ao encontro dos que das ruas da cidade faziam casa". Joaquim Franco evoca Manuel Martins, o "bispo vermelho".

    Joaquim Franco

  • Apreendidos quase 7.000 comprimidos ilegais vendidos pela internet
    1:43

    País

    O Infarmed e a Autoridade Tributária apreenderam perto de 7.000 unidades de comprimidos ilegais.A apreensão aconteceu no âmbito de uma operação internacional da Interpol de combate aos medicamentos ilegais vendidos pela internet, explicou à SIC Luís Sande e Castro, diretor da Unidade de Inpeção do Infarmed.

  • Passageiro detido com 1 kg de ouro no reto

    Mundo

    Os funcionários da alfândega do aeroporto de Colombo, Sri Lanka, estranharam o comportamento de um passageiro que "caminhava com dificuldade". Um exame completo revelou a valiosa carga que levava escondida... no tubo intestinal.