sicnot

Perfil

País

Suspeito dos crimes de Aguiar da Beira sequestrou casal e roubou carro

Suspeito dos crimes de Aguiar da Beira sequestrou casal e roubou carro

O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira, Pedro Dias, está em fuga há sete dias. Este domingo sequestrou uma mulher e um homem em Moldes, Arouca. Fugiu na viatura de uma das vítimas, a mesma que abandonou hoje, mas ainda não foi capturado. Na aldeia, o ambiente é de apreensão, mas ninguém quer mostrar que está com medo.

  • Autoridades apertam o cerco em Vila Real
    2:38

    País

    As buscas pelo suspeito dos crimes de Aguiar da Beira continuam focadas no distrito de Vila Real e localidades limítrofes. A GNR mantém-se posicionada em pontos estratégicos, também com o objetivo de garantir a segurança das populações. Ao início da manhã, o repórter da SIC Frederico Correia fez o ponto de situação.

  • GNR controla acessos a Vila Real
    3:10

    País

    Todos os acessos a Vila Real estão a ser vigiados pelas autoridades, depois do suspeito dos crimes de Aguiar da Beira ter sido avistado. A perseguição acabou por ser travada por um condutor que, ao estacionar, deixou escapar o suspeito. O "apagão" nos nós de acesso à A25 e A24 dificultou as buscas.

  • Carrinha roubada por Pedro Dias encontrada nos arredores de Vila Real
    3:35

    País

    As autoridades encontraram esta segunda-feira, nos arredores de Vila Real, a viatura roubada por Pedro Dias, este domingo, em Arouca. A GNR e a Polícia Judiciária estiveram a fazer buscas junto ao local. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira escapou ontem à noite por pouco às autoridades, quando um condutor, sem querer, numa manobra de estacionamento, barrou a guarda em perseguição.

  • "Quem não deve não teme"

    Football Leaks

    O futebolista português Cristiano Ronaldo, questionado sobre a sua alegada fuga ao fisco veiculada pela investigação "Football Leaks", disse que "quem não deve não teme", numa reação difundida esta quinta-feira pela rádio espanhola Onda Cero.

  • Cerca de 150 civis doentes retirados de Alepo

    Mundo

    Cerca de 150 civis, a maioria doentes ou deficientes, foram retirados na noite de quarta-feira para quinta-feira de um centro de saúde de Aleppo, na parte mais antiga da cidade tomada pelo exército sírio, anunciou a Cruz Vermelha internacional.