sicnot

Perfil

País

GNR prossegue buscas em Vila Real para deter Pedro Dias

GNR prossegue buscas em Vila Real para deter Pedro Dias

A GNR mantém hoje militares no terreno para tentar deter o suspeito dos crimes de Aguiar da Beira centrando atenções na zona de Vila Real, onde foi avistado e abandonou um carro roubado numa aldeia. A repórter da SIC Cristina Freitas faz o ponto da situação esta manhã.

Alguns elementos da Guarda estarão durante o dia de hoje concentrados em alguns pontos-chave onde farão a fiscalização de viaturas, enquanto outros militares patrulharão as estradas.

As operações no terreno juntam elementos da Guarda e a Polícia Judiciária (PJ).

O alegado homicida foi visto pela última vez no domingo, em Vila Real, e na segunda-feira ao final da tarde foi encontrado o carro que terá roubado em Arouca.

A viatura terá sido abandonada pelo suspeito junto a um depósito de resina, próximo de uma estrada municipal e na entrada da aldeia de Carro Queimado, e foi levada para as instalações da PJ, no centro da cidade de Vila Real.

As autoridades ainda fizeram buscas em habitações da aldeia e recorreram à ajuda de cães pisteiros nesta operação.

O suspeito foi avistado no domingo por uma patrulha da Guarda na zona industrial de Vila Real e na aldeia de Constantim, horas e 100 quilómetros depois de alegadamente ter roubado um carro em Arouca.

Populares contaram que o presumível homicida terá passado por uma rua central de Constantim, onde teve de parar atrás de um carro que fazia manobras de estacionamento.

O condutor desviou-se para deixar passar o carro branco alegadamente roubado em Arouca e, numa segunda tentativa de estacionamento, o condutor de Constantim acabou por impedir também a passagem dos militares da GNR.

De imediato a GNR montou uma operação de busca pelo homem, com dezenas de militares, ainda agentes da PSP e elementos da PJ, no terreno.

Horas antes, terá sequestrado duas pessoas numa residência em Moldes, Arouca (distrito de Aveiro) e roubou a viatura de uma delas, pondo-se em fuga.

A GNR está focada na zona de Vila Real, mas continua a exercer ações também nos distritos limítrofes, tanto a norte como a sul.

As autoridades reforçaram também o pedido à população para que se mantenha atenta, devendo em casos suspeitos alertar de imediato a GNR.

A Guarda insiste que a "prioridade continua a ser a segurança das populações mais isoladas".

Foi há uma semana que um militar e um civil foram assassinados a tiro em Aguiar da Beira, no distrito da Guarda, onde também um outro militar e uma civil ficaram feridos com gravidade.

Já durante a tarde, na zona de Candal, um outro militar da GNR foi também ferido com uma arma de fogo.

O presumível homicida encontra-se, desde então, em fuga, apesar das operações policiais em curso para o capturar.

Com Lusa

  • Carrinha roubada por Pedro Dias encontrada nos arredores de Vila Real
    3:35

    País

    As autoridades encontraram esta segunda-feira, nos arredores de Vila Real, a viatura roubada por Pedro Dias, este domingo, em Arouca. A GNR e a Polícia Judiciária estiveram a fazer buscas junto ao local. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira escapou ontem à noite por pouco às autoridades, quando um condutor, sem querer, numa manobra de estacionamento, barrou a guarda em perseguição.

  • Suspeito dos crimes de Aguiar da Beira sequestrou casal e roubou carro
    2:31

    País

    O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira, Pedro Dias, está em fuga há sete dias. Este domingo sequestrou uma mulher e um homem em Moldes, Arouca. Fugiu na viatura de uma das vítimas, a mesma que abandonou hoje, mas ainda não foi capturado. Na aldeia, o ambiente é de apreensão, mas ninguém quer mostrar que está com medo.

  • Queixa contra médico do fugitivo de Aguiar da Beira
    2:46

    País

    As declarações do médico do suspeito das mortes de Aguiar da Beira fizeram soar os alarmes na Ordem dos Médicos. O Presidente do Conselho Regional do Centro quer que o Conselho Disciplinar avalie a entrevista, por eventual quebra de sigilo profissional. Opinião contrária tem o coordenador do conselho nacional de ética da ordem dos médicos, que não encontra qualquer indício de violação das regras da profissão.

  • Eurogrupo dá luz verde ao Orçamento do Estado
    0:29

    Orçamento do Estado 2017

    O Orçamento português passou no Eurogrupo mas os ministros das Finanças alertam que podem ser precisas mais medidas para cumprir as metas e em março vão voltar a olhar para as contas. Para já, estão satisfeitos com o compromisso assumido por Mário Centeno e mais sete ministros da zona euro, cujos Orçamentos estão em risco de incumprimento.

  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados".Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.

  • "A nossa guerra não deixou heróis, só vilões e vítimas"
    5:26

    Mundo

    Luaty Beirão é o rosto mais visível de um movimento de contestação ao regime angolano que começou em 2011, ano da Primavera árabe. Mas a par dos 15+2, mediatizados num processo que os condenou por lerem um livro, outros activistas arriscam diariamente a liberdade. A SIC esteve em Luanda e falou com o advogado Adolfo Campos e com os músicos Carbono Casimiro, Mona Dya Kidi e David Salei. Já todos estiveram presos. Já todos foram vítimas de violência policial. Defendem que "a geração anterior comprometeu o país" e acreditam que só a mudança política pode trazer um futuro melhor. Para estes jovens activistas, a guerra que arrasou o país, e com que o regime justifica tudo, não deixou heróis, apenas "vilões e vítimas".

  • Homem e cão resgatados das águas na Andaluzia
    0:32