sicnot

Perfil

País

Prisão preventiva para suspeito de atear fogo florestal em Elvas

HOMEM DE GOUVEIA

O Tribunal de Portalegre determinou a prisão preventiva de um homem de 54 anos suspeito da autoria de um incêndio florestal, na passada sexta-feira, perto de Elvas, revelou esta terça-feira à agência Lusa fonte judicial.

De acordo com a mesma fonte, o suspeito, atualmente desempregado e natural do concelho de Elvas, no distrito de Portalegre, foi "apanhado por um popular, que o entregou à GNR".

A medida de coação mais gravosa foi aplicada, no sábado, pelo tribunal de turno e divulgada esta terça-feira pelo Ministério Público em comunicado publicado na página da Internet da Procuradoria da Comarca de Portalegre.

O incêndio florestal, cujo alerta foi dado na sexta-feira, às 21:21, ocorreu junto à Estrada das Fontainhas, perto de Elvas, tendo o combate às chamas mobilizado 11 operacionais, apoiados por quatro veículos.

Segundo a mesma fonte, o homem estava declarado contumaz, no âmbito de outro processo.

Lusa

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.