sicnot

Perfil

País

100 médicos pediram para emigrar no primeiro semestre deste ano

Até ao mês de julho deste ano, tinham pedido para emigrar cerca de 100 médicos, menos de um quarto do que os que emigraram nos dois anos anteriores, revelou hoje o ministro da Saúde.

Respondendo aos deputados da oposição, na comissão parlamentar da Saúde, que o confrontavam com as contestações das ordens profissionais à atual governação, o ministro da Saúde apontou os números que lhe foram dados pela própria ordem dos médicos.

Segundo esses dados, em 2014 emigraram 394 médicos, em 2015 emigraram 475 médicos, até ao mês de julho de 2016 tinham sido pedidos os documentos para poderem emigrar menos de cem médicos.

"Isto é um sinal, como é um sinal que este ano contratámos para o Serviço Nacional de Saúde especialistas hospitalares no maior numero dos últimos cinco anos", afirmou.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • Sol e calor ficam para o Natal
    1:50

    País

    Com o Natal à porta, o sol teima em ficar um pouco por todo o país. Até a norte as temperaturas estão altas para esta época do ano com o distrito do Porto a rondar os 18 graus.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10