sicnot

Perfil

País

"Vive-se numa aflição toda a noite"

"Vive-se numa aflição toda a noite"

A população das aldeias está preocupada com o homem que está fugido há nove dias. Em Vila Real, continua a caça ao suspeito dos crimes de Aguiar da Beira.

  • Suspeito de Aguiar da Beira poderá estar ferido
    2:18

    País

    Pedro Dias, o alegado homicida de Aguiar da beira, está em fuga há uma semana. Duas testemunhas dizem ter visto o suspeito esta terça-feira na localidade de Assento, onde se concentram agora as buscas da GNR e da Polícia Judiciária. Pedro Dias terá dormido num casebre na aldeia, perto do local onde foi encontrada a viatura roubada com que fugia. No carro roubado, as autoridades encontraram umas calças com sangue, levando a polícia a acreditar que o suspeito está ferido.

  • Autoridades concentram atenções em Assento e Constantim
    3:44

    País

    Continua a caça ao homem no distrito de Vila Real, em busca do presumível homicida de Aguiar da Beira. A ação das autoridades é hoje mais discreta, como relata a jornalista da SIC Manuela Carneiro, na aldeia de Constantim, onde o suspeito foi avistado.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.