sicnot

Perfil

País

Despiste na A6 em Montemor-o-Novo faz dois mortos

Duas pessoas morreram esta quarta-feira na sequência do despiste de um automóvel na A6, no concelho de Montemor-o-Novo, distrito de Évora, disseram à agência Lusa fontes dos bombeiros e da GNR.

A fonte da GNR adiantou que as vítimas mortais, alegadamente marido e mulher, são um homem de 72 anos e uma mulher de 67, residentes na zona de Algés, concelho de Oeiras (distrito de Lisboa).

Na sequência do despiste, segundo a mesma fonte, o automóvel em que seguiam as duas vítimas saiu da autoestrada e embateu contra um muro de betão.

O acidente ocorreu ao quilómetro 37, na zona de Montemor-o-Novo, no sentido Caia-Marateca, tendo o alerta sido dado às 16:14, disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora.

As operações de socorro mobilizaram meios e operacionais dos bombeiros de Évora e de Montemor-o-Novo, uma viatura médica de emergência e reanimação (VMER) e a GNR.

Lusa

  • Mário Centeno lidera hoje a primeira reunião do Eurogrupo
    1:56
  • Eleição de Rio "embaraça" PCP e BE
    0:34

    Opinião

    Luís Marques Mendes considera que a eleição de Rui Rio veio criar embaraço ao PCP e Bloco de Esquerda. O comentador da SIC considera que a promessa de que venha a haver pactos de regime entre PS e PSD é motivo de preocupação para os parceiros do Governo.

  • Quem são os arguidos da operação Fizz
    2:29

    País

    É já considerado o julgamento do ano da justiça portuguesa e o caso que está a abalar as relações entre Portugal e Angola. O processo da operação Fizz tem quatro arguidos, mas um deles, já é certo, não irá sentar-se esta segunda-feira no banco dos réus.

  • Que shutdown é este que paralisou os EUA?
    2:27
  • Casal que mantinha filhos acorrentados queria participar num reality show
    3:15
  • Quase 100 atletas testemunharam contra médico Larry Nassar
    1:38

    Desporto

    Quase 100 atletas e antigas ginastas da seleção dos Estados Unidos da América confrontaram esta semana, em tribunal, o médico Larry Nassar, acusado de assédio sexual. Em dezembro, o clínico foi condenado a 60 anos de prisão por um tribunal do Michigan, por posse de pornografia infantil.