sicnot

Perfil

País

Fim de semana com muita chuva e vento forte

Paulo Duarte/ AP

O fim de semana vai ser marcado por chuva intensa e persistente, em especial a sul do sistema Montejunto/Estrela e que pode causar inundações, e vento forte, adiantou hoje à agência Lusa a meteorologista Maria João Frada.

Em declarações à Lusa, a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) adiantou que para hoje está prevista nebulosidade baixa, neblinas ou nevoeiros matinais, que tenderão a persistir até ao meio da tarde, e vento fraco.

"No entanto, estamos a contar para o final do dia de hoje, na região do Baixo Alentejo e Algarve, devido a uma massa de ar quente associada a uma depressão, a ocorrência de precipitação, que começa por ser fraca e para o final do dia e madrugada de sábado vai aumentar de intensidade e frequência", explicou.

De acordo com a meteorologista do IPMA, está previsto para o fim de semana um agravamento substancial do estado do tempo, em especial na região sul, nomeadamente no Algarve e na costa ocidental a sul do Cabo Raso.

"Para o fim de semana estamos a prever períodos de chuva ou aguaceiros por vezes fortes acompanhados por trovoadas e rajadas fortes. Este vai ser o cenário para sábado e domingo. Apenas a região norte vai ter precipitação fraca", disse.

Maria João Frada destacou também que o IPMA prevê um aumento da intensidade do vento na região sul - Algarve e Baixo Alentejo -- com rajadas da ordem dos 80 quilómetros por hora e de 90 nas terras altas.

"Adicionalmente, há a possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento, em especial na região sul. É uma situação gravosa que se deve à aproximação de uma depressão que vem do Atlântico e que vai aproximar-se da costa ocidental de Portugal continental e da costa ocidental sul em particular", salientou.

Devido a esta situação, a meteorologista alertou para a possibilidade de precipitação forte com cheias.

"Vamos ter também ventos intensos. É muito provável que o IPMA emita 'Aviso Amarelo' para sábado e depois muito provavelmente o 'Aviso Laranja'", indicou.

No que diz respeito às temperaturas, Maria João Frada adiantou que não vai haver alterações significativas em relação ao dia de hoje, apenas uma pequena subida da mínima nas regiões do centro e sul.

"Quanto a segunda-feira, existe ainda a probabilidade de a precipitação se manter na região sul", concluiu.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.