sicnot

Perfil

País

Fim de semana com muita chuva e vento forte

Paulo Duarte/ AP

O fim de semana vai ser marcado por chuva intensa e persistente, em especial a sul do sistema Montejunto/Estrela e que pode causar inundações, e vento forte, adiantou hoje à agência Lusa a meteorologista Maria João Frada.

Em declarações à Lusa, a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) adiantou que para hoje está prevista nebulosidade baixa, neblinas ou nevoeiros matinais, que tenderão a persistir até ao meio da tarde, e vento fraco.

"No entanto, estamos a contar para o final do dia de hoje, na região do Baixo Alentejo e Algarve, devido a uma massa de ar quente associada a uma depressão, a ocorrência de precipitação, que começa por ser fraca e para o final do dia e madrugada de sábado vai aumentar de intensidade e frequência", explicou.

De acordo com a meteorologista do IPMA, está previsto para o fim de semana um agravamento substancial do estado do tempo, em especial na região sul, nomeadamente no Algarve e na costa ocidental a sul do Cabo Raso.

"Para o fim de semana estamos a prever períodos de chuva ou aguaceiros por vezes fortes acompanhados por trovoadas e rajadas fortes. Este vai ser o cenário para sábado e domingo. Apenas a região norte vai ter precipitação fraca", disse.

Maria João Frada destacou também que o IPMA prevê um aumento da intensidade do vento na região sul - Algarve e Baixo Alentejo -- com rajadas da ordem dos 80 quilómetros por hora e de 90 nas terras altas.

"Adicionalmente, há a possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento, em especial na região sul. É uma situação gravosa que se deve à aproximação de uma depressão que vem do Atlântico e que vai aproximar-se da costa ocidental de Portugal continental e da costa ocidental sul em particular", salientou.

Devido a esta situação, a meteorologista alertou para a possibilidade de precipitação forte com cheias.

"Vamos ter também ventos intensos. É muito provável que o IPMA emita 'Aviso Amarelo' para sábado e depois muito provavelmente o 'Aviso Laranja'", indicou.

No que diz respeito às temperaturas, Maria João Frada adiantou que não vai haver alterações significativas em relação ao dia de hoje, apenas uma pequena subida da mínima nas regiões do centro e sul.

"Quanto a segunda-feira, existe ainda a probabilidade de a precipitação se manter na região sul", concluiu.

Lusa

  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.