sicnot

Perfil

País

Portugal mantém grau de ameaça moderado, informa Sistema de Segurança Interna

Portugal mantém o seu grau de ameaça moderado, apesar dos últimos atentados na Europa, informou hoje a secretária-geral do Sistema de Segurança Interna.

"Todas as forças e serviços de segurança que integram a Unidade de Coordenação Antiterrorismo estão a trabalhar em completa articulação e a acompanhar os últimos acontecimentos registados na Europa, mantendo contacto com as suas congéneres e recolhendo todos os dados necessários à sua avaliação", refere num comunicado hoje emitido.

A secretária-geral do Sistema de Segurança Interna, Helena Fazenda, adianta ainda que "Portugal não alterou o grau de ameaça, mantendo-se moderado".

Na segunda-feira, o embaixador russo na Turquia foi assassinado enquanto estava a discursar, no âmbito de uma exposição de fotografia. Um homem disparou contra o embaixador, que não resistiu aos ferimentos de bala.

Em Berlim, pelo menos 12 pessoas morreram e 48 ficaram feridas quando um camião entrou, na segunda-feira à noite, por um mercado de Natal no centro da cidade.

Também na segunda-feira, um homem armado feriu pelo menos três pessoas perto de um centro islâmico em Zurique, na Suíça.

Lusa

  • O tempo para hoje
    0:56

    País

    O verão chega esta quinta-feira, dia em que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê aumento da instabilidade atmosférica com ocorrência de aguaceiros, por vezes fortes e de granizo, e trovoada.

  • Espanha e Portugal a um ponto dos oitavos

    Mundial 2018 / Irão

    A Espanha colocou-se esta quarta-feira a um ponto dos oitavos de final do Mundial 2018 e deixou Portugal em situação idêntica, ao vencer o Irão por 1-0, em jogo do grupo B, disputado em Kazan.

  • Os momentos que marcaram o 7.º dia de Mundial
    1:08
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Os momentos descontraídos dos jogadores
    1:54
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49