sicnot

Perfil

País

António Costa diz ao Partido Socialista que é preciso ir mais longe

O primeiro-ministro pediu hoje ao PS para evitar a acomodação ao fim de um ano de Governo, dizendo que é preciso ainda ir mais longe para "continuar a provar" que há alternativa à austeridade da direita.

Um recado que foi deixado por António Costa no debate quinzenal, na Assembleia da República, na parte final da sua resposta ao líder parlamentar do PS, Carlos César - palavras que levaram os deputados socialistas a aplaudirem- no de pé.

"O resultado deste ano [de Governo] não nos deve convidar a acomodação. Deve-nos motivar a ir mais além para provar que, ao contrário daquilo que a direita nos disse ao longo de quatro anos, há mesmo uma alternativa à política de austeridade e, mais, que essa mesma alternativa produz bons resultados: Temos menos défice, menos desemprego, mais crescimento, mais rendimento para as famílias, mais investimento para as empresas e mais confiança para a economia", declarou.

Lusa

  • Primeiras projeções dão vitória a Angela Merkel

    Mundo

    A CDU da chanceler Angela Merkel venceu as eleições legislativas deste domingo com 33,5% dos votos, seguida dos sociais-democratas do SPD e do partido Alternativa para a Alemanha, de extrema-direita, segundo uma sondagem divulgada pela televisão pública ZDF.

  • Maratona da democracia em Barcelona
    1:18

    Mundo

    Na Catalunha, milhares de pessoas alimentam o braço de ferro com Madrid. Em Barcelona decorre a maratona pela democracia, na Praça da Universidade. A iniciativa repete-se noutros 300 municípios da região.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.