sicnot

Perfil

País

GNR começa hoje operação Ano Novo

A Guarda Nacional Republicana intensifica a partir de hoje o patrulhamento e a fiscalização rodoviária nos itinerários associados a festividades de Ano Novo.

Segundo um comunicado da GNR, a operação vai fiscalizar, nomeadamente, a falta de habilitação legal para conduzir, a condução sob influência do álcool e drogas, o excesso de velocidade, a incorreta ou não utilização do cinto de segurança e de sistemas de retenção para crianças (cadeiras) e o uso indevido de telemóvel durante a condução.

A operação decorre até 2 de janeiro e mobiliza militares da Unidade Nacional de Trânsito e dos comandos territoriais, reforçados pela Unidade de Intervenção de Segurança e Honras de Estado.

Na operação Natal Tranquilo, realizada entre os passados dias 23 e 26, a GNR registou um morto em 750 acidentes, representando mais 126 desastres e menos seis mortos do que no mesmo período de 2015.

Durante a operação Natal Tranquilo foram ainda registados oito feridos graves, menos 12 que em 2015, e 240 feridos ligeiros, menos 44.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.