sicnot

Perfil

País

Autoridades continuam à procura de mulher desaparecida em Grândola

Autoridades continuam à procura de mulher desaparecida em Grândola

As autoridades continuam à procura de uma mulher de 37 anos desaparecida desde domingo, em Grândola. O ex-companheiro, que foi condenado a sete anos de cadeia por violação de menor, é o principal suspeito.

  • Mulher desaparecida em Grândola terá sido raptada pelo ex-companheiro
    2:01

    País

    Há mais de 48 horas que ninguém sabe de uma mulher de 37 anos, residente em Azinheira dos Barros, no concelho de Grândola. Há fortes suspeitas de que a mulher - vítima de violência doméstica - tenha sido raptada pelo ex-companheiro. O carro de Anabela Lopes foi encontrado numa rua de Azinheira dos Barros, com sinais de ter sido abalroado. O ex-companheiro já cumpriu pena de prisão e é caracterizado como um homem violento.

  • Mulher de Grândola vítima de violência doméstica desaparecida há mais de dois dias
    3:26

    País

    Há mais de 48 horas que ninguém sabe do paradeiro de uma mulher de Grândola. A mulher era vítima de violência doméstica e tinha saído de casa há um mês. As autoridades admitem que tenha sido raptada pelo ex-companheiro, que já cumpriu pena de prisão. Anabela Lopes, de 37 anos, terá tido um relacionamento com homem que também está desaparecido. Apenas o veículo da mulher foi encontrado. A investigação está a cargo da Polícia Judiciária de Setúbal.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".