sicnot

Perfil

País

Funeral da vítima mortal de Lousada realiza-se na sexta-feira

O funeral da mulher de Lousada que morreu no acidente com um autocarro em França vai realizar-se na sexta-feira, às 16:30, na localidade de Nevogilde, avançou à Lusa fonte autárquica.

Segundo o Município o corpo da mulher de 33 anos já está a ser transportado para Portugal em viatura funerária. Ainda segundo a fonte, a viagem foi iniciada ao meio-dia desta quarta-feira, desconhecendo-se a hora da chegada a Nevogilde, freguesia de onde é natural.

O marido da vítima, que ficou ferido no acidente, já foi transferido para um hospital na Suíça, acompanhado por uma irmã.

Já o filho mais novo, de três anos, continua internado numa unidade hospitalar pediátrica em França, acompanhado da avó materna que também viajou de Portugal.

O filho mais velho, de 13 anos, já teve alta.

Os pais da vítima mortal, que também tinham seguido para a França após o acidente, já regressaram a Lousada.

Estas viagens dos familiares, feitas de avião, foram suportadas pela Câmara de Lousada, que também disponibilizou apoio psicológico aos familiares da vítima em Portugal.

O despiste do autocarro ocorreu na madrugada de domingo na Estrada Nacional 79, na direção Mâcon-Moulins, França e provocou quatro mortos, três feridos graves e 25 ligeiros, que seguiam no veículo a caminho de Genebra, Suíça.

Na viatura seguiam 32 passageiros: quatro morreram e três foram hospitalizados e dos restantes 25, quinze seguiram viagem para a Suíça.

Em declarações à Lusa, Pedro Machado avançou que os serviços sociais da Câmara vão continuar a acompanhar a situação da família enlutada.

A família tinha-se deslocado a Lousada para passar a quadra festiva e regressava de autocarro à Suíça, onde está emigrada há alguns anos.

Além da vítima de Lousada, morreram mais três pessoas residentes em Vila Nova de Foz Côa, distrito da Guarda

O presidente da Câmara de Vila Nova de Foz Côa, Gustavo Duarte, disse que os corpos chegam na quinta-feira ao concelho e que os funerais se realizam na sexta-feira.

"Prevê-se que as vítimas cheguem quinta-feira às aldeias de Freixo de Numão e Muxagata, na quinta-feira, ao final da manhã. O primeiro funeral será de uma senhora às 10:00 em Muxagata, sendo o segundo, o do casal de Freixo de Numão, marcado para as 15:00, indicou o autarca à agência Lusa.

Lusa

  • Costa desvaloriza ameaça e mantém planos de visita a Angola
    2:27

    Economia

    O governo angolano reagiu duramente à acusação do Ministério público portugues contra o vice-presidente de Angola. Luanda diz que a acusação é um sério ataque à República de Angola que pode perturbar as relações entre os dois paises. António Costa desvaloriza a ameaça e mantém os planos de uma visita a Angola na primavera.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas.

  • Luaty Beirão agredido em manifestação em Luanda
    1:27

    Mundo

    Luanda tem sido palco de várias manifestações contra a forma como está a decorrer o processo eleitoral em Angola. Esta sexta-feira, uma dessas manifestações acabou em confrontos com as autoridades. Entre os manifestantes estava o ativista Luaty Beirão.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.