sicnot

Perfil

País

Jovem português desaparecido em Paris foi hospitalizado para avaliação

O jovem português que estava desaparecido em França desde 26 de dezembro foi internado no serviço de psiquiatria do Centro hospitalar Robert-Ballanger, nos arredores de Paris, depois de ter estado alojado duas semanas em casa de um desconhecido.

O internamento de Sérgio Filipe Lopes Machado, de 26 anos, foi confirmado à Lusa pelo próprio hospital, depois de um próximo da família do jovem ter dado conta do mesmo.

A fonte ligada à família, Romeu Braga, disse à Lusa em Paris que o jovem "se encontra internado no hospital, desde hoje à tarde, com lesões traumáticas, ainda sem se conhecer verdadeiramente o que as causou". Por outro lado, em declarações à Lusa, a polícia francesa esclareceu que Sérgio Machado esteve alojado duas semanas em casa de uma pessoa que "não o conhecia inicialmente", uma versão diferente da que foi divulgada anteriormente pelo gabinete do secretário de Estado das Comunidades.

"Ele não o conhecia inicialmente, mas é um senhor que pensou que se tratava de um refugiado sírio ou uma pessoa com necessidades e acolheu-o em casa dele. É um jovem bipolar, que não é capaz de se desenrascar sozinho. O senhor alojou-o durante as duas semanas, o tempo em que esteve desaparecido. Quando foi a um bar com o rapaz, uma das pessoas que estava lá e que tinha ouvido falar de um desaparecimento preocupante, assinalou-o", explicou fonte da polícia de Massy, no sul de Paris.

O gabinete do secretário de Estado das Comunidades tinha dito à Lusa na quinta-feira que Sérgio Machado "terá estado em casa de um amigo".

Romeu Braga acrescentou que Sérgio Machado e o seu irmão decidiram entretanto apresentar queixa contra o "desconhecido" que albergou o jovem.

"Sérgio, na companhia do irmão, foi ontem de manhã ao comissariado da Polícia de Massy, onde prestou depoimento, e foi apresentada queixa contra um cidadão francês, desconhecido do Sérgio ou de qualquer pessoa que convive com ele (...) Este senhor desconhecido manteve o Sérgio duas semanas com ele, sem se conseguirem compreender, porque um não fala francês e o outro não fala português", indicou Romeu Braga. A polícia confirmou que vai interrogar a pessoa que alojou o português "na próxima semana", ressalvando porém que "quando o jovem foi encontrado, não apresentava problemas" e sublinhando que se trata de um "rapaz bipolar".

Na semana passada, a polícia tinha indicado, também, que o jovem "só fala português, sofre de distúrbios psiquiátricos (bipolaridade) e não é capaz de andar nos transportes públicos", sublinhando que "ele é incapaz de se desenrascar sozinho sem o irmão" e que "não tem consigo bilhete de identidade nem formas de pagamento".

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.