sicnot

Perfil

País

Capitanias da Madeira e Porto Santo alertam para situação de risco devido ao mau tempo

Madeira com aviso laranjaLusa/arquivo

HOMEM DE GOUVEIA

As capitanias do Funchal e do Porto Santo alertaram esta terça-feira para o agravamento das condições meteorológicas na Madeira a partir de quinta-feira, apontando que a situação é considerada "de risco".

Num comunicado hoje divulgado, a autoridade marítima das ilhas da Madeira e Porto Santo escreve que "a instabilidade far-se-á notar pela ocorrência de vento fresco e ondas de noroeste que podem atingir os seis metros de altura, com especial incidência na costa norte".

As capitanias referem que "este agravamento é considerado de risco", aconselhando que sejam tomadas "medidas de prevenção por todos aqueles que se encontrem junto à linha de água, nomeadamente, em infraestruturas portuárias e outras na costa".

Ainda indica que estas condições adversas na costa norte se deve prolongar até sábado.

A autoridade marítima insular recomenda "o reforço da amarração e vigilância das embarcações, em especial nos espaços sem vigilância permanente, na circulação pedonal", desaconselhando os passeios junto à linha de água e zonas de rebentação.

As capitanias informam que vão estar de prevenção "para responder a situações que impliquem a sua pronta intervenção".

Devido às previsões de forte ondulação, com vagas que podem atingir os 10 metros, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou a costa norte da Madeira sob aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, até às 18:00 de quinta-feira, passando depois a amarelo.

Lusa

  • "Desisto com muita dificuldade, só abandono a liderança se houver rebelião"
    2:39
  • Voaram tochas, engenhos pirotécnicos, garrafas na "batalha campal" de Bilbau
    1:39
  • Substituiria o seu café por bolotas?

    País

    Investigadores da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto (FFUP) desenvolveram um produto à base de bolotas para substituir o café, de forma a evitar os efeitos negativos que esta bebida pode ter nos consumidores.

  • Não dá mais, Brasil!
    18:00