sicnot

Perfil

País

Ferry avariado esteve cerca de três horas parado no rio Sado

Um ferry boat que fazia a ligação fluvial Tróia-Setúbal esteve esta quinta-feira três horas parado no rio Sado devido a uma avaria, mas a situação já está normalizada, disse à agência Lusa o capitão do porto de Setúbal.

"A embarcação saiu de Tróia às 14:00, com destino a Setúbal, mas teve uma avaria numa máquina e ficou imobilizada e fundeada no rio Sado durante algum tempo", disse Luís Lavrador, perto das 18:00.

"A Polícia Marítima seguiu de imediato para o local e demos instruções à empresa - Atlantic Ferries - para que fossem acionados, de imediato, dois rebocadores", acrescentou o capitão do porto de Setúbal.

Segundo Luís lavrador, com a ajuda dos dois rebocadores o ferribote avariado, que transportava um total de sete viaturas, 13 passageiros e seis tripulantes, atracou em Tróia cerca das 17:30.

Lusa

  • Descobertos fósseis que podem provar existência de vida em Marte

    Mundo

    Fósseis com 3,77 mil milhões de anos, dos mais antigos já descobertos, foram identificados por cientistas de vários países na província do Quebec, no leste do Canadá. As descobertas coincidem no tempo com a altura em que Marte e a Terra tinham água líquida à superfície, o que levanta questões sobre a hipótese de vida extraterrestre.

  • As polémicas declarações de João Braga sobre os Óscares

    País

    A Associação SOS Racismo reagiu esta quarta-feira às palavras do fadista João Braga na sua página no Facebook, sobre a cerimónia de entrega dos Óscares, e disse esperar que a Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial atue de forma exemplar face.

  • "Apelamos ao debate e somos criticados? Então m...."
    0:52
  • Oprah admite candidatar-se à Presidência dos EUA

    Mundo

    A apresentadora norte-americana Oprah Winfrey admitiu, numa entrevista, que a vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais de novembro a fez considerar a possibilidade de entrar na corrida à Casa Branca.

  • Temperaturas recorde no "último lugar da Terra"

    Mundo

    A Organização Meteorológica Mundial (OMM) anunciou esta quarta-feira que se registaram nos últimos 37 anos temperaturas altas recorde na Antártida, num local que foi descrito como "o último lugar da Terra".