sicnot

Perfil

País

Buscas para encontrar mulher arrastada pelo mar em Ílhavo foram suspensas

PAULO NOVAIS

As buscas para encontrar a mulher que foi arrastada quinta-feira pelo mar, na praia da Costa Nova, em Ílhavo, foram suspensas às 18:30 e serão retomadas no sábado às 07:15, informou fonte da Capitania do Porto de Aveiro.

"Neste momento, permanece aqui um piquete da Polícia Marítima e da GNR, mas as buscas foram suspensas para regressar amanhã", disse à Lusa o comandante da Capitania do Porto de Aveiro, Carlos Isabel.

O mesmo responsável adiantou ainda que a operação tem sido dificultada pelo mau tempo, adiantando que as buscas vão ser alargadas mais para sul, com o apoio do meio aéreo e dos veículos todo-o-terreno.

"Temos cerca de 150 pessoas envolvidas na operação. Portanto, é mais que suficiente para uma situação destas", disse o comandante Carlos Isabel.

Desde as 19:45 de quinta-feira, dezenas de elementos da Polícia Marítima, Capitania e Bombeiros de Ílhavo, têm procurado ao longo de vários quilómetros da praia a mulher, de 34 anos, mas sem sucesso.

A operação contou ainda com o apoio de um helicóptero da Força Aérea e da Corveta NRP António Lemos.

O incidente ocorreu junto ao segundo esporão da praia da Costa Nova, em Ílhavo, e o alerta foi dado cerca das 19:45 de quinta-feira.

A mulher desaparecida fazia parte de um grupo de dez pessoas que se encontravam no areal, alegadamente a participar num ritual à deusa Iemanjá, quando foram apanhadas por uma onda.

Quatro delas foram arrastadas para o mar, mas só três conseguiram sair da água pelo próprio pé.Estas três pessoas (duas mulheres, de 34 e 37 anos, e um homem, de 42 anos) foram transportadas para o Hospital de Aveiro com sinais de hipotermia.

Em declarações à Lusa, fonte do Hospital de Aveiro disse que as duas mulheres já tiveram alta hospitalar e o homem foi transferido para o Centro Hospitalar de Tondela/Viseu, mas o seu estado de saúde não inspira cuidados.

As restantes pessoas que faziam parte do grupo foram identificadas e seguiram para as suas casas.Carlos Isabel esclareceu ainda que as pessoas que se encontravam no areal eram todas de Tondela (Viseu), ao contrário da informação avançada inicialmente que dava conta de que parte delas seriam de Águeda (Aveiro).

Lusa

  • À procura de mulher levada por onda em lÍhavo
    2:02

    País

    As buscas prosseguem na praia da Costa Nova, em Ílhavo, com a ajuda de um helicóptero, para encontrar a mulher que ontem foi levada por uma onda. A desaparecida integrava um grupo de dez pessoas que estaria no areal a cumprir um ritual religioso.

  • Quatro pessoas arrastadas pelas ondas em Ílhavo

    País

    Quatro pessoas que passeavam na praia da Costa Nova, em Ílhavo, foram apanhadas por uma onda. Três foram resgatadas mas uma está desaparecida. As autoridades apelaram ao longo do dia para que a população evite as zonas junto ao mar dado o período de agitação marítima.

  • Marcelo não comenta proposta sobre nomeação do governador do BdP
    0:14

    Economia

    Marcelo Rebelo de Sousa não quis comentar a proposta do grupo de trabalho para a reforma da supervisão financeira, que recomenda que o governador do Banco de Portugal seja nomeado pelo Presidente da República. Marcelo não quis comentar o assunto esta quarta-feira durante a tomada de posse do Reitor da Universidade de Lisboa.

  • Habitantes da favela da Rocinha temem novo episódio violento
    2:54

    Mundo

    Localizada no Rio de Janeiro, a Rocinha, maior favela do Brasil, foi palco de um tiroteio entre traficantes, no último fim de semana. Agora, pelo terceiro dia consecutivo, a polícia do Rio de Janeiro está a fazer um cerco em algumas favelas cariocas à procura de traficantes. A comunidade está assustada e receia que episódios violentos como este se repitam.