sicnot

Perfil

País

Autoridades encerram buscas por alegado casal desaparecido na Foz do Arelho

A Autoridade Marítima encerrou as buscas por um casal que se suspeitava ter desaparecido na Foz do Arelho, nas Caldas da Rainha, considerando ter-se tratado de um falso alerta.

"Não houve qualquer comunicação de desaparecimento, nem foram encontrados quaisquer indícios o que nos leva a considerar que se não surgirem novos dados ter-se tratado de um falso alerta", disse à Agência Lusa o capitão do Porto de Peniche.

De acordo com o comandante da Capitania, Marcos Augusto, "as buscas foram suspensas cerca das 18:30", terminando a vigilância apertada na praia onde, a partir de domingo, será retomada "apenas a vigilância habitual".

O alerta para o alegado desaparecimento de um casal, com cerca de 20 anos, foi dado por populares, ao final do dia de sexta-feira.

O casal, "na casa dos 20 anos, que trajava com vestuário de cores escuras, foi avistado junto ao mar entre as 18:00 e as 18:30 por uma cidadã que, num momento em que se encontrava ao telefone, deixou de os ver", dando o alerta devido ao estado do mar que se encontrava revolto, relatou Marcos Augusto.

A autoridade marítima iniciou então uma " vigilância apertada" na praia, que se prolongou até às 22:00 de sexta-feira e foi esta manhã retomada, com duas equipas da polícia marítima e da Autoridade Marítima Nacional a efetuarem buscas por terra.

"As informações que conseguimos recolher vão no sentido de que todas as pessoas que terão estado nesse dia na praia da Foz do Arelho terão regressado a casa em segurança", afirmou o capitão sustentado que "as buscas só serão retomadas se houver uma comunicação formal de desaparecimento".

Lusa

  • Buscas continuam na Foz do Arelho
    1:47

    País

    A Polícia Marítima está a manter uma vigilância apertada na Foz do Arelho, Caldas da Rainha, depois de ter sido dado o alerta para o possível desaparecimento de um casal que estava na praia. Para já, ainda não se percebeu se é um falso alarme, e por isso mesmo as autoridades estão de prevenção junto ao mar.

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11