sicnot

Perfil

País

Cardeal-patriarca de Lisboa irá benzer imagem para catedral no Iraque

PAULO CUNHA

O cardeal-patriarca de Lisboa vai benzer uma imagem de Nossa Senhora de Fátima para a catedral de Erbil, no Iraque, que vai receber também "terços, dezenas e santinhos" feitos por crianças portuguesas.

Segundo informações da paróquia de Cascais e da fundação católica Ajuda à Igreja que Sofre, a bênção será feita após uma missa no dia 19 que assinala o Dia dos Pastorinhos e o envio resulta de uma promessa feita em novembro passado ao arcebispo de Erbil.

Em novembro, Bashar Warda, arcebispo católico de rito caldeu, visitou Portugal pela primeira vez para falar da situação que vive a comunidade cristã no Iraque, especialmente em Erbil, capital do Curdistão iraquiano.

A diocese de Erbil acolheu desde o verão de 2014 mais de 120 mil refugiados iraquianos em fuga do grupo autodenominado Estado Islâmico.

A Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) lembra que na altura o arcebispo iraquiano celebrou missa na Igreja de Cascais, quando alertou para a situação trágica vivida nas comunidades cristãs de Erbil e do resto do Iraque.

No dia 19 a vigararia de Cascais organiza uma missa única no hipódromo, presidida por D. Manuel Clemente, na qual estarão presentes crianças da catequese.

No final D. Clemente benze a imagem a ser enviada com os terços feitos pelas crianças.

Na mesma altura será transferida para a AIS a verba angariada em Cascais a favor da clínica de S. José, em Erbil, um projeto que tem sido apoiado pela AIS e que permite o auxilio de 2.800 pessoas, segundo a Fundação.

Lusa

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05