sicnot

Perfil

País

Costa acima do Tejo sob aviso amarelo

(Lusa/ Arquivo)

lusa

A costa norte e centro de Portugal continental tem hoje aviso amarelo - o terceiro numa escala de quatro - por causa da agitação marítima, de acordo com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IMPA explica que este aviso está ativo a partir das 14:59 de hoje e prolonga-se até às 15:00 de quarta-feira.

As previsões indicam que estão previstas neste período para a costa portuguesa ondas de 4 a 4,5 metros.

A agitação marítima também obrigou hoje ao fecho de sete barras a toda a navegação em Portugal continental e condicionou três outras.

Estão encerradas a toda a navegação as barras de Caminha, Vila Praia de Âncora, Esposende, Póvoa do Varzim, Vila do Conde, Figueira da Foz e S. Martinho do Porto, de acordo com a informação disponível no site da Marinha.

Segundo a Marinha, estão condicionadas as barras de Viana do Castelo (a embarcações superiores a 12 metros), Douro e Aveiro (embarcações superiores a 15 metros).


Lusa

  • O tempo para hoje
    0:27

    País

    Céu geralmente muito nublado, diminuindo gradualmente de nebulosidade a partir do início da manhã. Períodos de chuva, passando gradualmente a regime de aguaceiros fracos e que serão de neve acima de 1000/1200 metros na região Norte e acima de 1400 metros na região Centro. 

  • "Miúdos de 5 e 6 anos a perguntar: a minha casa ardeu, o meu pai está queimado?"
    4:55
  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.