sicnot

Perfil

País

Chefe da diplomacia portuguesa inicia hoje visita oficial de três dias a Angola

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, chega hoje a Luanda para uma visita oficial de três dias, numa deslocação que aposta no reforço da cooperação económica.

A agenda de trabalho do chefe da diplomacia portuguesa começa com uma reunião com o seu homólogo angolano, Georges Chikoti, seguindo-se um encontro de cortesia com o presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos.

Ainda esta manhã, Augusto Santos Silva será recebido pelo Presidente angolano, José Eduardo dos Santos. Para a parte da tarde, o programa de visita reserva um encontro de cortesia com o ministro da Defesa de Angola, João Lourenço, e com empresas portuguesas que operam no país, além de uma palestra a ser proferida por Augusto Santos Silva, sobre o relacionamento de Portugal com África.

No sábado, o MNE inicia as visitas às províncias do Huambo e Benguela, e no domingo, a da Huíla.Augusto Santos Silva fez-se acompanhar nesta visita oficial pelos secretários de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, e da Agricultura, Luís Medeiros Vieira.

José Luís Carneiro inaugura hoje, no município de Viana, Luanda, a Associação Casa da Comunidade Portuguesa em Angola, e Luís Medeiros Vieira vai ser recebido pelo ministro da Agricultura de Angola, Marcos Nhunga.

Lusa

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".