sicnot

Perfil

País

Marcelo homenageia "bravura" de bombeiros portugueses no combate aos piores fogos do Chile 

Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa

NUNO FOX

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, louvou hoje os bombeiros portugueses que combateram no Chile, durante duas semanas, nos piores incêndios registados naquele país sul-americano, destacando a sua "bravura" por honrarem o nome de Portugal.

"Em nome de todas as portuguesas e de todos os portugueses, quer o Presidente da República agradecer-vos como orgulhosamente honrastes o nome de Portugal", afirmou o chefe de Estado, na sala das Bicas do Palácio de Belém, perante os 52 elementos da Força Especial de Bombeiros (FEB), que regressaram hoje do Chile.

O Chefe de Estado manifestou "muito agrado e particular emoção", lembrando que "Portugal respondeu prontamente, em apenas 12 horas, ao pedido de assistência internacional à pior vaga de incêndios dos últimos anos no Chile".

Marcelo Rebelo de Sousa descreveu a breve cerimónia como "um gesto simbólico de homenagem pela bravura que a FEB demonstrou no combate ao incêndio de Las Maquinas, felizmente sem vítimas", elogiando o "profundo gesto de solidariedade", numa "missão difícil", na qual se "agiu com coragem e determinação, conseguindo extinguir mais de 12 quilómetros de perímetro de incêndio ativo".

A FEB integrou a força da União Europeia que, desde 27 de janeiro combateu os fogos, dando resposta a um pedido de assistência internacional apresentado pelas autoridades chilenas no quadro do Mecanismo de Proteção Civil da União Europeia.

O adjunto de operações nacional da Proteção Civil, Miguel Cruz, fez um breve resumo da missão antes da intervenção do Chefe de Estado e ofereceu a Marcelo Rebelo de Sousa uma bandeira chilena assinada por todos os elementos que estiveram no terreno.

Igualmente presentes na cerimónia estiveram o secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, o embaixador do Chile em Lisboa, German Guerrero, e o presidente da Autoridade Nacional de Proteção Civil, Joaquim Leitão.

Lusa

  • Assalto à base militar de Tancos
    0:42

    País

    Cerca de uma centena de granadas e várias munições foram roubadas dos paióis da base militar de Tancos. A Polícia Judiciária Militar já está a investigar.

  • Detido antigo diretor regional do BES na Madeira

    Queda do BES

    Foi detido o antigo diretor do Banco Espírito Santo da Madeira, no âmbito do chamado processo ao Universo GES. João Alexandre Silva tinha sido também o representante do BES na Venezuela, onde a instituição portuguesa abriu várias agências em diversas cidades e tinha cerca de 7600 clientes domiciliados.

    Notícia SIC

  • Couves, arroz integral e bróculos biológicos com pesticidas sintéticos
    2:29
  • ASAE apreende leite com água oxigenada para fabrico de queijo

    Economia

    A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu leite com água oxigenada, destinado ao fabrico de queijo. As investigações decorreram nos últimos dois meses e foram dirigidas a vários produtores de leite. As investigações iniciaram-se com a deteção de uma viatura para transporte do leite sem qualquer sistema de refrigeração.

  • Porto Design Factory: um lava-louças com tecnologia ultrassom e muitas outras coisas
    1:45
  • Jovens participam na maior competição nacional de aplicações
    2:10

    País

    O presente e o futuro passam cada vez mais pelas novas tecnologias, sobretudo as aplicações. Alunos de cerca de 100 escolas estão a participar na terceira edição da Apps For Good, a maior competição nacional de aplicações desenvolvidas por jovens, que decorre em Matosinhos.

  • O iPhone faz 10 anos
    2:01