sicnot

Perfil

País

Diretório com todas as maternidades do país ajuda pais a fazer "escolha certa" no parto

© Regis Duvignau / Reuters

"Onde nascer" é o nome de um diretório online nacional com todos os hospitais e profissionais que realizam partos em Portugal e que pretende ajudar os casais a fazerem uma escolha informada do local onde vai nascer o filho.

O "Birth Advisor - Onde Nascer" foi criado pela Associação Portuguesa pela Defesa dos Direitos da Mulher na Gravidez e Parto (APDMGP) para avaliação dos serviços de assistência ao parto em Portugal, disse à agência Lusa a presidente da associação, Sandra do Vale.

"No diretório estão todas as maternidades públicas e privadas do país e todos os profissionais que exercem os partos domiciliares", sendo que "os utilizadores podem dar a sua opinião sobre o serviço que tiveram nessa instituição", explicou Sandra do Vale.

O objetivo do projeto, disponível aqui, é tornar estes serviços "um pouco mais transparentes para as famílias poderem fazer escolhas devidamente informadas", adiantou.

Além de consultar os dados, o utilizador pode deixar a sua avaliação e até sugerir instituições, equipas ou profissionais que não constem do diretório, que vai ser lançado oficialmente no encontro "Nascer em amor 2017", promovido pela APDMGP e que decorrerá, no sábado, em Cascais.

As avaliações aos serviços são feitas a partir de uma lista de tópicos de caracterização, como se o hospital realiza partos na água, se tem bolas, se respeita o parto natural ou se é amigo da amamentação.

"Acreditamos que a reunião destas informações ajudará as famílias na sua tomada de decisão e estimulará as instituições, equipas e profissionais a prestarem um serviço de cada vez maior qualidade, contribuindo para melhores nascimentos", sublinhou Sandra do vale.

Questionada pela Lusa sobre se podem ser feitas no portal denúncias de situações que não tenham corrido bem, explicou que o diretório não tem essa função.

"Se o casal ou a família pretenderem apresentar queixa têm de falar com a associação para nós os apoiarmos", adiantou Sandra do Vale, lembrando que a associação nasceu com o objetivo de "proteger e divulgar os direitos humanos na gravidez e no parto".

Infelizmente o que muitas vezes acontece é "um conflito de interesses entre aquilo que são as necessidades de um hospital, que tem as suas regras e protocolos, e as necessidades da mulher" de sentir que as suas escolhas estão a ser respeitadas e que está a ser bem tratada durante o parto.

Contudo, em todos os hospitais "há histórias boas e histórias más".

Para capacitar as famílias para fazerem valer os seus direitos, a associação tem divulgado informação e realizado várias campanhas, uma das quais denominada "Sombras do Parto", para apoiar as vítimas de violência obstétrica.

Com o tema 'Melhor Nascimento, Para Todos', o encontro promovido pela associação pretende contribuir para a promoção do respeito pelos direitos humanos na gravidez e no parto e para o aumento da qualidade dos serviços de saúde materna e obstétrica em Portugal.

Lusa

  • Portugal inicia preparação para o Mundial sem Cristiano Ronaldo

    Rumo ao Mundial 2018

    A seleção portuguesa de futebol começa hoje a preparar a participação no Mundial2018, que arranca em 14 de junho, na Rússia, com um treino na Cidade do Futebol, em Oeiras, numa sessão em que são esperadas algumas ausências. O capitão Cristiano Ronaldo, que vai disputar no sábado a final da Liga dos Campeões com o Real Madrid, é baixa certa no arranque dos trabalhos, mas não deve ser o único.

  • Hoje é notícia

    País

    Esta terça-feira realiza-se o funeral do antigo ministro António Arnaut na Figueira da Foz. Em Sintra está previsto o início do julgamento dos 17 agentes da PSP acusados de agredirem jovens da Cova da Moura, concelho da Amadora, no interior da esquadra de Alfragide. Em Oeiras, a seleção portuguesa de futebol começa hoje a preparar a participação no Mundial2018.

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20