sicnot

Perfil

País

Ministro dos Negócios Estrangeiros será ouvido no parlamento sobre Almaraz

A comissão parlamentar de Ambiente aprovou esta quarta-feira, por unanimidade, a audição do ministro dos Negócios Estrangeiros, que vai decorrer em conjunto com a comissão parlamentar dos Negócios Estrangeiros, a propósito da situação da central nuclear de Almaraz.

Além da audição ao ministro dos Negócios Estrangeiros, a comissão parlamentar de Ambiente aprovou, por unanimidade, o requerimento de uma audição à Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), por ter "uma relação direta" com as empresas Iberdrola, Endesa e Gás Natural Fenosa, que são operadoras em Portugal no âmbito da energia.

De acordo com o presidente da comissão parlamentar de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, o deputado Pedro Soares (BE), as empresas Iberdrola, Endesa e Gás Natural Fenosa recusaram o convite para uma audição que tinha sido requerida pela comissão, de forma a prestarem "esclarecimentos sobre a estratégia das empresas relativamente à central nuclear de Almaraz".

Neste sentido, a comissão parlamentar de Ambiente aprovou fazerem-se "algumas diligências", nomeadamente um requerimento de audiência à entidade ERSE.Segundo o deputado Pedro Soares, as audições ainda não têm data marcada, mas deverão acontecer "nos próximos dias".

Almaraz é a central nuclear espanhola mais perto de Portugal e tem sido objeto de intensas críticas nos últimos meses, depois de ser anunciada a construção de um armazém de resíduos nucleares, admitindo-se por isso que Espanha se prepara para prolongar a vida da central além de 2020.

A decisão do Conselho de Segurança Nuclear espanhol de prolongar a vida da central de Garoña é uma das principais questões que motivou o requerimento de audiência ao ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva.

A construção de um armazém de resíduos em Almaraz sem ter em conta a avaliação dos impactos transfronteiriços já motivou uma queixa de Portugal contra Espanha junto da Comissão Europeia.

O Movimento Ibérico Antinuclear, que se tem manifestado contra a construção do armazém, também tem explicado que o que é preocupante não é a construção do depósito, mas sim o que ele significa.

Para o Movimento, significa o prolongamento do funcionamento da central de Almaraz além de 2020, quando devia encerrar. Fonte ligada às empresas que exploram a central disse à Lusa que vão apresentar em junho o pedido de renovação da atual licença de produção de energia elétrica que caduca em 2020.

"O processo inicia-se em junho próximo com a apresentação da primeira documentação" para renovação da licença de exploração, disse a fonte, acrescentando que a decisão final deverá ser tomada antes de terminar a vigência da atual licença.

Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28