sicnot

Perfil

País

Promoção de guardas prisionais já foi desbloqueada

A ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, disse hoje no parlamento que já foi desbloqueada a promoção de mais de 360 guardas prisionais para a categoria de guardas principais e que mais 400 profissionais vão iniciar estágio de formação.

Respondendo a uma pergunta do deputado do PCP António Filipe sobre uma recente reunião com o sindicato dos guardas prisionais, após uma vigília desta estrutura junto à residência oficial do primeiro-ministro, Francisca Van Dunem indicou que a "pretensão justa" de promover 366 guardas à categoria de guardas principais já foi desbloqueada e que 400 guardas vão iniciar um estágio de formação.

"O que agora está em causa é um conjunto de regulamentos, alguns do estatuto dos guardas. Não podemos satisfazer todas as reivindicações, mas tudo faremos para responder às justas", disse.

Durante quase três horas de audição regimental na primeira comissão parlamentar, a deputada do CDS Vânia Silva questionou a ministra sobre a falta de técnicos de reinserção nas cadeias, ao que Francisca Van Dunem contrapôs com a admissão, o ano passado, de 28 técnicos de reinserção, lembrando quer há coisas que o governo propôs fazer em quatro anos e não em apenas um.

A mesma deputada abordou o tema do mapa judiciário, dizendo que concorda com a reativação dos tribunais, mas quer muitas vezes o Governo fala em reabertura o que "está errado".

"A ministra da justiça, de forma cautelosa fala em reativação de tribunais, o que está correto. É preciso de uma vez por todas dizer que não se trata de uma reabertura, trata-se de dar algumas valências a tribunais que tinham sido fechados", disse Vânia Dias da Silva.

Quanto à questão da falta de funcionários judiciais, a ministra adiantou que o concurso para mais 400 elementos deverá estar concluído em julho e que atualmente existem 6.627, reconhecendo que estão aquém do quadro definido.

Lusa


  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.