sicnot

Perfil

País

APA não mediu qualidade do ar em Setúbal no dia do incêndio

APA não mediu qualidade do ar em Setúbal no dia do incêndio

Não houve medição da qualidade do ar no dia em que os armazéns de enxofre arderam na Mitrena, em Setúbal, porque a Associação Portuguesa do Ambiente tinha a unidade móvel avariada. A associação ambientalista Zero diz que os habitantes da zona deveriam ter acompanhamento médico. A associação alerta que os moradores da zona podem ter estado expostos a níveis de dióxido de enxofre muito acima do permitido.

  • Sado pode ter sido contaminado com enxofre da Sapec

    País

    A Autoridade Marítima admitiu hoje que a água usada no combate ao incêndio da Sapec, em Setúbal, não foi totalmente contida dentro do perímetro do incêndio e pode, por isso, ter chegado ao rio Sado, com resíduos de enxofre e do material utilizado para extinguir as chamas.

  • Setúbal regressa à normalidade depois de incêndio em fábrica de enxofre
    6:35

    País

    Setúbal regressa esta sexta-feira à normalidade depois da situação de risco vivida nos últimos dias. Um incêndio na fábrida da Sapec provocou níveis elevados de enxofre no ar. À SIC, o coordenador da Proteção Civil de Setúbal explicou que a entidade tem mantido contacto com o Centro Hospitalar de Setúbal para se informar das condições de saúde das pessoas afetadas pela nuvem de enxofre.

  • Rui Santos revela novos e-mails que envolvem o Benfica
    1:52
    Tempo Extra

    Tempo Extra

    3ª FEIRA 23:00

    No programa da SIC Notícias Tempo Extra, Rui Santos revelou esta terça-feira que o blogue de Hugo Gil, associado ao Benfica, partilhou informação privilegiada da APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) com várias figuras do clube da Luz.

  • "É preciso namorar bem para que o namoro dê certo"
    2:31
  • Governo vai proibir refeições nos monumentos com estatuto de panteão
    0:53

    País

    O Governo vai acabar com as refeições no Panteão Nacional e em edifícios com estatuto semelhante, como os mosteiros dos Jerónimos e da Batalha. A decisão foi anunciada esta terça-feira pelo ministro da Cultura, no Parlamento. Luís Filipe Castro Mendes esclareceu que a decisão surge no âmbito da revisão do regulamento sobre os monumentos.

  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14